Histórico: Verstappen bate Hamilton e conquista título de pilotos na Fórmula 1

Estamos a guardar energia para o que mais importa.

Fórmula 1

Histórico: Verstappen bate Hamilton e conquista título de pilotos na Fórmula 1

Numa das temporadas mais disputadas de sempre da Fórmula 1, Max Verstappen conquistou o título com uma ultrapassagem na última volta.

Zero pontos. Era esta a distância pontual entre Max Verstappen e Lewis Hamilton à entrada do GP do Abu Dhabi, a última prova de uma temporada de Fórmula 1 que, com certeza, ficará na memória dos fãs da categoria rainha do desporto automóvel.

As contas do título eram simples e resumiam-se a isto: dos dois pilotos, aquele que terminasse à frente o Grande Prémio sagrava-se campeão (havia também a possibilidade de Verstappen ser campeão em caso de dupla desistência pois tinha mais vitórias, mas ninguém queria esse cenário).

Apesar de ter partido da pole position, Max Verstappen não teve a vida facilitada e numa prova onde tanto o neerlandês como o britânico deram tudo por tudo pela vitória, a sorte acabou por sorrir ao homem que seguia aos comandos do carro da Red Bull.

A NÃO PERDER: Fórmula 1 de 1998 mais rápido que IndyCar de 2021 em Laguna Seca

Depois de ter passado grande parte da prova atrás de Lewis Hamilton, Max Verstappen conseguiu, na última volta da corrida, ultrapassar o sete vezes campeão do mundo, negando-lhe assim um inédito (e recordista) oitavo título ao mesmo tempo que conquistou o seu primeiro título de pilotos na Fórmula 1.

Esta vitória de Max Verstappen colocou um ponto final na “dinastia” da Mercedes-AMG no campeonato do mundo de pilotos: desde 2014 que apenas os seus pilotos conquistavam o troféu e desde 2017 que este não escapava a Lewis Hamilton. Ainda assim, a equipa alemã conquistou o sempre importante título de construtores.

Um prova de despedidas

Além da luta pelo título, a prova disputada no Abu Dhabi ficou ainda “marcada” pelas diversas despedidas ao “circo da Fórmula 1” que ali tiveram lugar. Para começar, a Honda fechou “com chave de ouro” este seu regresso à Fórmula 1, vendo o seu motor a animar o Red Bull que levou Max Verstappen ao título mundial (e a Red Bull de regresso aos títulos oito anos depois).

Já com menos razões para celebrar estará Kimi Räikkönen, que na sua última prova de sempre na Fórmula 1 foi obrigado a abandonar a prova devido a problemas nos travões. Igualmente de saída da Fórmula 1 estava o seu colega de equipa, Antonio Giovinazzi, que também foi obrigado a terminar a prova mais cedo por causa de problemas no seu monolugar.

Depois de um começo conturbado, o regresso da Honda à Fórmula 1 terminou com um título de pilotos.

Sabe responder a esta?
Em que ano foi lançado o SEAT Ronda?
Não acertou..

Mas pode descobrir a resposta aqui::

Este SEAT Ronda foi usado como prova em tribunal. Porquê?

Mais artigos em Notícias