Recharge No modo Recharge está a reduzir a sua pegada ecológica.

Obrigado por guardar energia para o que mais importa.

Uma iniciativa
x

Recharge

Estamos a guardar energia para o que mais importa.

Troféu C1 Learn & Drive

Troféu C1. Última jornada decisiva em Braga com oito vencedores

O Circuito Vasco Sameiro, em Braga, voltou a receber o Troféu C1 Learn & Drive. A prova de formato inédito foi o palco de todas as decisões da terceira temporada do competitivo troféu monomarca.

Com o incrível número de 15 equipas a lutar por títulos no conjunto das duas categorias, PRO e AM, a última jornada da terceira temporada do Troféu C1 Learn & Drive não desiludiu.

Disputada no Circuito Vasco Sameiro, em Braga, a última prova da temporada pautou-se por uma elevada competitividade, algo que é bem atestado pelas oito equipas que subiram ao lugar mais alto do pódio.

Para descobrir os campeões das categorias PRO e AM, o Troféu C1 inovou no formato no circuito bracarense. Pela primeira vez em três anos de existência, a competição organizada pela Motor Sponsor contou com uma série de corridas sprint.

A NÃO PERDER: Tudo o que aprendi neste carro que foi de uma idosa
Troféu C1

No total os 25 Citroën C1 que entraram em pista (entre os quais se contava o C1 da Razão Automóvel) disputaram seis corridas com a duração de 50 minutos cada. Estas foram disputadas a solo (sem troca de pilotos durante cada corrida), e os resultados conjuntos das equipas ditaram os vencedores.

Foi um fim de semana fantástico, com corridas bastante disputadas e várias equipas a vencer. Arriscámos estrear um formato de 6 corridas de sprint, com duração de 50 minutos, numa jornada em que se decidiam os títulos. Sabemos que no desporto automóvel inovar é palavra de ordem e foi isso que mais uma vez fizemos. No final, a satisfação foi geral e essa é sem dúvida a melhor forma de encerrar uma época onde o fator competição esteve sempre presente.

André Marques, responsável máximo da Motor Sponsor

Os grandes vencedores

Líder da categoria PRO à chegada a Braga, a equipa VLB Racing saiu do Circuito Vasco Sameiro com o título de campeã. Para tal foram cruciais as vitórias obtidas nas quatro primeiras corridas e que permitiram à equipa adotar depois um ritmo de gestão nas duas últimas corridas e vencer assim a jornada.

Em segundo lugar na classificação final do Troféu C1 na categoria PRO ficaram a Termolan, que já se tinha destacado pelo segundo lugar alcançado em Portimão, enquanto o terceiro lugar coube à Artlaser by Gianfranco, que venceu a primeira prova da temporada, também disputada em Braga.

Quando nos propusemos a fazer este troféu foi com o intuito de vencer. Nos dois primeiros anos não tivemos muita sorte, mas à terceira foi de vez. Fizemos tudo para ter uma época ao mais alto nível, sem surpresas, e fechámos o ano da melhor forma.

Luís Delgado, responsável pela VLB Racing.

Já na categoria AM as seis corridas disputadas em Braga tiveram cinco vencedores diferentes: LJ Sport 88 com duas vitórias, OF Motorsport, G’s Competizione, Five Team e Casa da Eira.

Troféu C1 Learn & Drive

Quanto à vitória geral na categoria, essa pertenceu à Torres Racing Team que, ao longo da época, somou uma vitória, um quarto e um quinto lugares. Como vice-campeã da categoria AM, e a apenas quatro pontos, ficou a equipa da Razão Automóvel, tendo chegado a liderar a categoria AM após a vitória na ronda inaugural em Braga. O pódio foi fechado pela LJ Sport 88.

Estamos muito contentes, porque este foi um grande feito para nós. Somos quatro amigos, todos amadores, que nos juntámos o ano passado para competir no troféu e o resultado de todo o trabalho não podia ser melhor.

Nuno Torres, responsável da Torres Racing Team
LEIAM TAMBÉM: Renault Mégane. Vencedor do troféu Carro do Ano 2003 em Portugal

Uma aposta para manter

Apesar do «sabor agridoce» do vice-campeonato, a equipa da Razão Automóvel já olha para o futuro. Afinal de contas, este é o terceiro ano da equipa no Troféu C1 Learn & Drive e a evolução é inegável, como comprovam os resultados obtidos.

Este foi também o segundo ano da C1 Academy, um modelo de captações único no nosso país, que permite passar pela experiência de ser piloto, mesmo não tendo experiência como tal. Face a tudo isto, as perspetivas para o futuro são, no mínimo, promissoras.

Sabe responder a esta?
Qual era a potência do Alfa Romeo 147 GTA?
Não acertou..

Mas pode descobrir a resposta aqui::

Hot Hatch com 6 cilindros. A receita mais apaixonante?

Mais artigos em Notícias