Recharge No modo Recharge está a reduzir a sua pegada ecológica.

Obrigado por guardar energia para o que mais importa.

Uma iniciativa
x

Recharge

Estamos a guardar energia para o que mais importa.

Apresentação

GR DKR Hilux T1+. A nova «arma» da Toyota para o Dakar 2022

A equipa oficial da Toyota Gazoo Racing apresentou a nova geração da Hilux para a edição de 2022 do Rali Dakar, que se volta a correr na Arábia Saudita.

A Toyota Gazoo Racing apresentou esta quarta-feira a sua «arma» para a edição de 2022 do Rali Dakar: a pick-up Toyota GR DKR Hilux T1+.

Impulsionada por um motor V6 biturbo de 3.5 litros (V35A) — proveniente do Toyota Land Cruiser 300 GR Sport — que substituiu o antigo bloco V8 naturalmente aspirado, a GR DKR Hilux T1+ tem as suas prestações adaptadas ao regulamento estabelecido pela FIA: 400 cv de potência e cerca de 660 Nm de binário máximo.

Estes números estão, de resto, em linha com o que oferece o motor de produção, que conta ainda com dois turbos e um intercooler que podemos encontrar no catálogo da marca nipónica, ainda que a orientação deste último tenha sido modificada.

A NÃO PERDER: RS Q e-tron. A nova arma elétrica (e a combustão) da Audi para o Dakar 2022
Toyota GR DKR Hilux T1+

Além do motor, a Hilux para «atacar» o Dakar 2022 conta ainda com um sistema de suspensão novo que viu o curso aumentar de 250 mm para 280 mm, o que permitiu «calçar» novos pneus que também cresceram de 32” para 37” de diâmetro e cuja largura passou de 245 mm para 320 mm.

O aumento dos pneus foi um dos destaques feitos pelos responsáveis da equipa durante a apresentação deste modelo, já que na última edição daquele que é considerado o rali mais duro do mundo a Toyota Gazoo Racing foi afetada por vários furos sucessivos, o que levou a modificações no regulamento.

Al-Attiyah
Nasser Al-Attiyah

Esta mudança é considerada pela equipa como uma melhoria para um maior equilíbrio entre os 4×4 e os buggys e não passou despercebida a Nasser Al-Attiyah, o piloto catari que quer vencer o Rali Dakar pela quarta vez.

“Depois dos muitos furos que aconteceram nos últimos anos, temos agora esta nova ‘arma’ que já desejávamos há muito tempo”, disse Al-Attiyah, que ainda admitiu: “Já a testei aqui na África do Sul e foi realmente incrível. O objetivo obviamente é vencer”.

LEIAM TAMBÉM: O meu desejo de ano novo? Ver a Honda correr entre os carros no Dakar

Giniel De Villiers, piloto sul-africano que venceu a prova em 2009 com a Volkswagen, também é candidato ao triunfo e mostrou-se muito satisfeito com o novo modelo: “Passei o tempo todo a sorrir quando estava ao volante deste novo carro nos testes. É realmente muito bom de conduzir. Mal posso esperar pelo início”.

Toyota GR DKR Hilux T1+

Três objetivos chave

Glyn Hall, diretor da equipa Toyota Gazoo Racing no Dakar, partilhou do otimismo de Al-Attiyah e De Villiers e apresentou três objetivos a cumprir para a edição deste ano do Dakar: os quatro carros da equipa chegarem ao fim; pelo menos três ficarem no Top 10; e vencer à geral.

“Estabelecemos a marca para todos ao redor do mundo e agora temos de cumprir”, disse Hall, na hora de descrever a nova Toyota GR DKR Hilux T1+.

A NÃO PERDER: 12 carros que ninguém esperava ver no Rali Dakar

Questionado pela Razão Automóvel sobre que vantagens a motorização V6 biturbo pode representar face ao antigo V8 naturalmente aspirado, Hall destacou o facto de poderem ter trabalhado com o motor do Land Cruiser na sua configuração original: “Isso significa que não temos que ‘stressar’ o motor para obter o máximo de rendimento”, acrescentou, lembrando que este bloco tem sido “de confiança desde o início”.

Glyn Hall
Glyn Hall

Traçado final por anunciar

A edição de 2022 do Dakar realiza-se entre os dias 1 e 14 de janeiro de 2022 e vai voltar a disputar-se na Arábia Saudita. Contudo, o percurso final ainda não foi divulgado, algo que deverá acontecer nas próximas semanas.

Além de Al-Attiyah e De Villiers, que estarão ao volante de duas Hilux T1+ (a do piloto catari tem uma pintura exclusiva, com as cores da Red Bull), a Gazoo Racing terá ainda mais dois carros em prova, conduzidos pelos sul-africanos Henk Lategan e Shameer Variawa.

Toyota GR DKR Hilux T1+
Sabe responder a esta?
Em que ano foi lançado o Volvo 240 Turbo?
Não acertou..

Mas pode descobrir a resposta aqui::

Volvo 240 Turbo: o tijolo que voava há 30 anos

Mais artigos em Notícias