Recharge No modo Recharge está a reduzir a sua pegada ecológica.

Obrigado por guardar energia para o que mais importa.

Uma iniciativa
x

Recharge

Estamos a guardar energia para o que mais importa.

Apresentação

Audi R8. Versão mais acessível mantém a tração traseira mas está mais potente

O Audi R8 até pode estar perto da reforma mas isso não impediu a Audi de melhorar a sua versão de entrada. O resultado foi o R8 V10 performance RWD que traz mais potência e binário.

Regressado há dois anos, o Audi R8 V10 RWD tem um papel curioso dentro da gama do superdesportivo alemão. Ao abdicar do sistema quattro apresenta-se como a forma mais “acessível” de se aceder à gama R8. Contudo, precisamente por contar com um V10 atmosférico e tração traseira é também um dos R8 mais “puros” e próximos do conceito original de supercarro.

Talvez por esta razão, a marca alemã decidiu que era altura de melhorar o R8 V10 RWD e o resultado foi o R8 V10 performance RWD de que vos falamos hoje.

Apesar de se manter fiel ao V10 atmosférico (nada de turbos por aqui), com 5.2 l de capacidade que equipava até agora o R8 V10 RWD, o novo R8 V10 performance RWD viu a potência subir para os 570 cv e o binário para os 550 Nm, ou seja, um aumento de 30 cv e 10 Nm face aos valores oferecidos até agora.

A NÃO PERDER: Ken Block ao volante do “monstro” Grupo S da Audi
Audi R8 V10

Quanto à transmissão, a tarefa de enviar os 550 Nm de binário às rodas traseiras está a cargo de uma caixa automática de sete relações S tronic e temos ainda um diferencial autoblocante mecânico.

Já no campo das performances, o Coupé cumpre os 0 aos 100 km/h em 3,7s e alcança 329 km/h enquanto o Spyder se fica pelos 3,7s e 327 km/h de velocidade máxima.

Até faz drift

Dotado de uma afinação específica da suspensão, o R8 V10 performance RWD é capaz de efetuar “drifts controlados”, bastando para tal ativar o “Sport Mode” que atua sobre o controlo de estabilidade, tornando-o mais “permissivo”.

Com 1590 kg (o Coupé) e 1695 kg (o Spyder), o Audi R8 V10 performance RWD apresenta uma distribuição de peso de 40:60, podendo ser equipado, em opção, com um sistema de direção dinâmica, jantes de 20” e travões cerâmicos de 19” (de série são de 18”).

Audi R8 V10

Esteticamente, o R8 V10 performance RWD distingue-se pelos acabamentos mate nas grelhas dianteira e traseira, no splitter e ainda pela dupla saída de escape. Já no interior, o maior destaque tem de ser dado ao painel de instrumentos de 12,3”.

Ainda sem preços para Portugal, o novo R8 V10 performance RWD estará disponível na Alemanha a partir dos 149 mil euros (Coupé) e dos 162 mil euros (Spyder).

Sabe responder a esta?
Em que ano foi lançado o Audi TT?
Não acertou..

Mas pode descobrir a resposta aqui::

Audi TT. Vencedor do troféu Carro do Ano 1999 em Portugal

Mais artigos em Notícias