Recharge No modo Recharge está a reduzir a sua pegada ecológica.

Obrigado por guardar energia para o que mais importa.

Uma iniciativa
x

Recharge

Estamos a guardar energia para o que mais importa.

Tokyo Auto Salon 2021

Parecem brinquedos. Estes são os cinco protótipos da Daihatsu para o Tokyo Auto Salon

O conjunto de protótipos é designado "Daihatsu Village Colorful Carnival" e são a aposta da marca japonesa para edição virtual do Tokyo Auto Salon.

A pandemia de Covid-19 até pode ter obrigado a edição de 2021 do Tokyo Auto Salon a ser exclusivamente digital, no entanto, isto não fez com que a Daihatsu tenha decidido deixar “passar em branco” o famoso evento nipónico.

Designado “Daihatsu Village Colorful Carnival”, o conjunto de cinco protótipos que a Daihatsu criou para o Tokyo Auto Salon 2021 trazem-nos à memória os carros com que brincávamos em criança (e que no Natal alimentavam os nossos sonhos).

Desde dois protótipos que abdicam do tejadilho até um mini-jipe que mais parece um carro telecomandado da Tomica, uma coisa é certa: não parece faltar imaginação aos designers da Daihatsu.

VÊ TAMBÉM: Lembras-te deste? Daihatsu Charade GTti, o mil mais temido

Tejadilho? Não faz falta

Como te dissemos, dois dos protótipos da Daihatsu para a edição de 2021 do Tokyo Auto Salon abdicam por completo do tejadilho (e do para-brisas). O mais convencional, e aquele que menos nos admirávamos se fosse produzido, dá pelo nome de Daihatsu Copen Spyder Ver.

No fundo, este mais não é que uma versão ainda mais radical do pequeno roadster da marca japonesa. Além de ter perdido o para-brisas e o tejadilho este conta ainda com jantes especiais, e, muito provavelmente, partilha a mecânica com o Copen GR Sport, que é o mesmo que dizer que recorre a um três cilindros com 660 cm3 e 63 cv e está dotado de uma suspensão específica.

Já no extremo oposto, apresentando-se como o mais peculiar destes protótipos temos a Daihatsu Hijet Truck Sportza Ver. Baseada na pequena pick-up Hijet, a Hijet Truck Sportza Ver abdica do tejadilho, tornando-se numa espécie de roadster comercial. A completar o visual mais radical temos uma frente mais agressiva, bancos desportivos, jantes de liga leve vermelhas e até escapes laterais! Quanto à mecânica, não sabemos se há novidades.

VÊ TAMBÉM: Daihatsu Mira Milano. A homenagem japonesa ao Citroën 2CV

E mais?

A disputar “as luzes da ribalta” com a Hijet Truck Sportza Ver encontra-se o Taft Crossfield Ver. Com um visual mais aventureiro, fruto dos pneus para todo o terreno, para-choques recortados, luzes auxiliares e guincho, este mini-jipe parece pronto para ir ao fim do mundo e não esconde as parecenças com os carros telecomandados de marcas como a Tomica.

Mais convencional mas nem por isso menos interessante, a Daihatsu Hijet Camper Ver mostra que não são precisas carrinhas gigantes para acampar. Também baseada na Daihatsu Hijet, esta adota um visual mais simpático e menos agressivo/desportivo.

Por fim, o Daihatsu Thor Premium Ver com componentes D-Sport é talvez o modelo que mais se manteve fiel à filosofia tuning tradicional. Desta forma, este recebeu uma suspensão rebaixada, jantes de maiores dimensões, um novo para-choques e uma pintura bicolor.

Sabe responder a esta?
Em que ano foi produzido o último Citroën 2CV?
Não acertou..

Mas pode descobrir a resposta aqui::

O último dos… Citroën 2CV feitos “falava” português

Mais artigos em Notícias