Glórias do Passado

Citroën XM Multimedia (1998). O carro que há 20 anos já tinha (quase) tudo

Em 1998 a Citroën quis mostrar como seriam os carros do futuro. E acertou… O Citroën XM Multimedia inaugurou muitas das tendências dos automóveis do novo milénio.

Quanto mais tempo passa, mais aumenta a minha admiração pelo Citroën XM. Um modelo que representava, na década de 90, todos os valores que desde sempre associámos à marca francesa: conforto, sofisticação e tecnologia.

O Citroën XM era tudo isso. E em 1998 a marca francesa apresentou e comercializou a derradeira interpretação desse espírito: o Citroën XM Multimedia. Um «escritório sobre rodas» 20 anos adiantado no tempo.

Internet e navegação? Claro que sim

Ainda se lembram como é que era a Internet em 1998? Eu lembro-me. Era quase magia negra. Na C+S que eu frequentava, só havia um computador com internet. Para aceder à internet tinham de marcar o computador com dois dias de antecedência. Depois era só esperar e, normalmente, quando chegava o derradeiro dia… a ligação não funcionava.

VÊ TAMBÉM: Lembras-te deste? Citroën Xantia Activa V6
Citroën XM Multimedia

Era então altura de chamar o técnico de informática da escola, para tentar resolver os problemas daquele computador cujo ecrã se encontrava forrado com gigantes cartões alusivos aos fundos comunitários que ali o tinham colocado.

Foi neste contexto que a marca francesa apresentou o Citroën XM Multimedia. Um executivo de luxo pensado para os empresários que acreditam na máxima “tempo é dinheiro”.

O Citroën XM Multimedia já tinha sistema de GPS, fornecido pela Magneti Marelli, com ecrã tátil e comandos por voz. Chamava-se “Route Planner” e podemos olhar para ele como o antepassado dos sistemas de navegação modernos.

Citroën XM Multimedia
Ahh, então foi aqui que surgiu a “moda” de instalar ecrãs nos tabliê.

Já nos lugares traseiros, encontrávamos a «jóia da coroa». Um computador integrado, com acesso à internet, televisão e linha telefónica. O sistema era operado por intermédio de um monitor LCD com o auxílio de um teclado wireless. O monitor LCD, apesar de estarmos em 1998, já podia ser operado de forma tátil.

Com aspirações de vir a ser a escolha dos executivos, personalidades e altos cargos, o Citroën XM Multimedia tinha de oferecer um motor à altura da missão. Por isso, a Citroën foi buscar o famoso motor 3.0 V6 fabricado pela PSA em conjunto com a Renault e a Volvo, o PRV.

Graças a este motor, o Citroën XM Multimedia anunciava 194 cv às 5500 rpm. A caixa, naturalmente, só podia ser automática.

Citroën XM Multimedia
VÊ TAMBÉM: Lembras-te deste? Renault Safrane Biturbo, a resposta francesa às “super-berlinas” alemãs

Citroën XM Multimedia. Tão importante que desapareceu

Em 1998 o Citroën XM Multimedia era uma verdadeira montra tecnológica. Apesar de tudo — ou talvez mesmo por isso — a Citroën produziu apenas 50 unidades do seu laboratório de luxo rolante e todos eles eram vermelhos como os que ilustram este artigo.

Citroën XM Multimedia
O escritório mais confortável do mundo? Talvez. Mas um dos mais rápidos era de certeza.

Não se sabe muito bem qual é que foi o destino final das 50 unidades do Citroën XM Multimedia. A grande maioria foi usada pelas marcas como viaturas do parque de imprensa (para os jornalistas testarem) e para demonstração aos clientes.

Findo esse período, a marca francesa decidiu retirar ao Citroën XM Multimedia tudo aquilo que o tornava “Multimedia”. Os computadores foram retirados, o GPS também e os XM Multimedia foram vendidos como XM “normais”.

Citroën XM Multimedia
VÊ TAMBÉM: As Citroën Jumpy e Space Tourer já podem transformar-se no «Type HG»

Segundo consta, houve clientes que pediram para manter os logotipos — um pedido ao qual alguns concessionários acederam — e, também, para manter as bandejas que serviam os lugares traseiros.

Hoje percebe-se o motivo que levou a Citroën a querer retirar do mercado o XM Multimedia. Não queria arriscar que a sua tecnologia fosse parar às mãos da concorrência. Como podemos constatar. Com duas décadas de vantagem, a Citroën antecipou a grande tendência da atualidade: o carro conectado.

Fonte: Citronoticias.

Sabes responder a esta?
Qual é a potência do Citroën ë-C4?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Revelado. Fica a saber tudo sobre o novo Citroën C4 (e ë-C4)

Mais artigos em Clássicos