Apresentação

Ineos Grenadier. O novo “puro e duro” com sotaque português

Herdeiro espiritual do Land Rover Defender original, o Ineos Grenadier já deu a conhecer as suas formas. E até tem sotaque português!

O primeiro modelo da Ineos Automotive, o Ineos Grenadier, já se deu a conhecer e por isso hoje voltamos a falar-te deste jipe “puro e duro” com sotaque português.

Desenhado de acordo com o lema “a forma segue a função – e a competência é a prioridade”, o Ineos Grenadier não esconde a inspiração no antigo Land Rover Defender.

Desde as formas quadradas da carroçaria até ao formato do capot ou das janelas, é difícil não ver as semelhanças entre o Ineos Grenadier e o antigo Defender.

VÊ TAMBÉM: Testámos o Land Rover Defender 110 MHEV. A lenda vive!
Ineos Grenadier

Prático acima de tudo

Já em fase de testes, o Ineos Grenadier pretende ser um regresso às origens e a uma era em que os jipes eram feitos para serem, acima de tudo, versáteis e práticos.

Prova disso são o para-choques dianteiro onde é possível uma pessoa sentar-se ou as barras e calhas de tejadilho para permitir o carregamento e a fixação de cargas.

Ainda neste capítulo, o Grenadier conta com uma cablagem exterior com tomadas na frente e na traseira do tejadilho para permitir a ligação de luzes auxiliares e óticas dianteiras idênticas de ambos os lados, o que facilita a manutenção e a disponibilidade de peças de substituição (o mesmo acontece na traseira).

Por fim, no que diz respeito aos acessórios, o Ineos Grenadier conta com cintas; faixas de proteção nas portas; uma escada traseira e até uma caixa de arrumação acessível a partir do exterior.

VÊ TAMBÉM: UMM: O que é Nacional é bom!
Ineos Grenadier

Quando chega?

Com o início da produção marcado para o final de 2021, o Ineos Grenadier verá parte da sua produção passar por Portugal.

VÊ TAMBÉM: Estas 11 marcas de automóveis são portuguesas. Conheces todas?

O que quer isto dizer? Simples. Significa que apesar de a produção decorrer na fábrica em Bridgend, no País de Gales, existirá também uma fábrica da Ineos Automotive em Estarreja.

Por lá serão produzidos componentes do chassis e da carroçaria, tendo esta unidade fabril potencial para criar mais 500 postos de trabalho.

Sabes responder a esta?
Qual era a potência da Peugeot 505 4X4 Dangel?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Lembras-te deste? Peugeot 505 Dangel 4×4 para todo o terreno

Mais artigos em Notícias