Arranque a Frio

O elétrico mais rápido do mundo é um… Corvette!?

Bem, começou a vida como um Corvette e um V8 sob o capot, mas agora chama-se Genovation GXE, e tornou-se no elétrico mais rápido do planeta.

O Genovation GXE não nos é completamente alienígena… Vimo-lo pela primeira vez no CES em 2018 e não era o resultado de uma qualquer conversão amadora.

Desenvolvido a partir da base de um Chevrolet Corvette C7 predispôs-se a ser o automóvel elétrico mais rápido do mundo e a verdade é que o conseguiu. Foi anunciado como capaz de atingir os 354 km/h (220 mph), mas apesar dos mais de 800 cv que debita, o seu recorde ficou-se, numa primeira tentativa, pelos 338 km/h.

No final do ano passado voltou a tentar e bateu o seu próprio recorde: 340,86 km/h (211,8 mph). É, de momento, o automóvel elétrico homologado para circular na via pública mais rápido no planeta — ainda um pouco longe do objetivo inicial, mas já não falta tudo…

Como é que este elétrico atinge estas velocidades, quando a maioria, mesmo muito potentes, ficam-se por valores bem inferiores? Um dos fatores é que, ao contrário dos outros, o GXE não tem uma limitadora caixa de uma relação só. A caixa manual de sete velocidades ou a automática de oito que equipavam o Corvette C7 estão disponíveis no elétrico Genovation GXE.

TENS DE VER: Esta coisa foi a primeira “mula de testes” do novo Corvette Stingray

Sobre o “Arranque a Frio”. De segunda a sexta-feira na Razão Automóvel, há um “Arranque a Frio” às 8h30 da manhã. Enquanto bebes o teu café ou ganhas coragem para começar o dia, fica a par de curiosidades, factos históricos e vídeos relevantes do mundo automóvel. Tudo em menos de 200 palavras.

Sabes responder a esta?
Qual a autonomia elétrica anunciada pelo Audi e-tron Sportback 55 quattro?

Mais artigos em Notícias