Fim de produção

É o adeus ao Alfa Romeo Giulietta. Olá, Alfa Romeo… Tonale?

Confirma-se. O Alfa Romeo Giulietta deixa de ser produzido ainda este ano e o seu lugar será tomado pelo Tonale, o novo e inédito C-SUV da marca italiana.

Era um anúncio esperado, até pela ausência do Alfa Romeo Giulietta nos últimos planos apresentados pela marca italiana que davam um vislumbre sobre o seu futuro próximo.

A confirmação surge através de Fabio Migliavacca, responsável de marketing de produto da Alfa Romeo, em declarações à Autocar: “é esperado que o Giulietta termine a sua vida no final deste ano”.

Lançado há já 10 anos, e sem atualizações significativas nestes últimos, naturalmente as vendas do Alfa Romeo Giulietta decresceram — após um pico de quase 79 mil unidades em 2011, o ano passado não chegaram às 16 mil unidades.

A NÃO PERDER: Vários Fiat e esta Alfa Romeo fechados há quase 30 anos num armazém

Falta um sucessor ao Alfa Romeo Giulietta, e a verdade é que o chegámos a ver previsto em alguns planos da marca no passado, mas nos planos mais recentes esse sucessor desapareceu. A Alfa Romeo tem outros planos. Migliavacca esclarece: “a tendência é para haver SUV no segmento C (o mesmo do Giulietta), por isso o Tonale será o substituto do Giulietta”.

Ou seja, o Tonale, apresentado como concept o ano passado — e entretanto vimos umas imagens retiradas à socapa de um modelo à escala real —, um C-SUV, passará a ser o único representante da marca no segmento, com a Alfa Romeo a prescindir do clássico hatchback ou dois volumes.

A versão de produção do Alfa Romeo Tonale estava prevista ser conhecida ainda este ano, com início de comercialização em 2021, mas de momento, devido ao coronavírus, não é possível ainda confirmar se as previsões iniciais se manterão.

Caberá ao Tonale ser o primeiro híbrido plug-in da Alfa Romeo, recorrendo ao mesmo grupo motriz que foi revelado recentemente nos Jeep Compass e Renegade. Para os que receiam sobre as aptidões dinâmicas deste SUV em relação ao mais baixo Alfa Romeo Giulietta, Migliavacca reforça que estarão, pelo menos, ao mesmo nível, acrescentando: “não esperamos que a condução e dinâmica sejam um ponto fraco para o Tonale”.

Fonte: Autocar.


A equipa da Razão Automóvel continuará online, 24 horas por dia, durante o surto de COVID-19. Segue as recomendações da Direção-Geral de Saúde, evita deslocações desnecessárias. Juntos vamos conseguir ultrapassar esta fase difícil.

Sabes responder a esta?
Antes do novo Giulia GTA, qual foi o último Alfa Romeo a usar a sigla GTA?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Lembras-te deste? Alfa Romeo 156 GTA. Sinfonia italiana

Mais artigos em Notícias