Rumores

A sigla GTI vai desaparecer na Peugeot? Olhe que não, olhe que não…

Ao que parece, as notícias sobre a "morte" da sigla GTi na Peugeot são exageradas. Quem o diz é Jean-Philippe Imparato, o CEO da marca francesa.

Sinal de modelos (muito) especiais, ao que parece a sigla GTi na Peugeot não deverá desaparecer por completo para dar lugar à nova designação PSE ou Peugeot Sport Engineered, que vimos, recentemente, ser estreada no Peugeot 508 PSE.

Quem o veio confirmar foi o próprio CEO da marca francesa, Jean-Philippe Imparato em declarações à Autocar. Este relembrou que, apesar de a sigla ser associada a modelos com motor de combustão (a nova sigla PSE destina-se, acima de tudo a modelos eletrificados), esta continua a ser importante para a Peugeot.

Ora, face a essa importância, Imparato “abriu a porta” à possibilidade de a sigla continuar a ser usada no futuro, mas ficará confinada a apenas e só um modelo: o Peugeot 208.

VÊ TAMBÉM: Renault Clio vs Peugeot 208. QUAL É O MELHOR?
Peugeot e-208 GT
Mesmo que venha a ser elétrica, a variante mais desportiva do Peugeot 208 poderá adotar a sigla GTi.

Porquê apenas no Peugeot 208?

Para já, Jean-Philippe Imparato não explicou nem o porquê de a sigla GTi na Peugeot poder vir a ser usada apenas no 208, nem confirmou que tal venha mesmo a acontecer.

Assim sendo, Imparato limitou-se a afirmar: “estamos a trabalhar no que poderá ser o GTi do futuro” e acrescentou que “o único carro que poderia reivindicar a sigla GTi — mesmo que elétrico — é o 208″.

Por enquanto, o CEO da Peugeot não confirmou a intenção de criar um 208 GTi e, segundo a Autocar, uma publicação inglesa, até levantou a hipótese de a sigla ser apenas usada no Reino Unido, onde o seu peso é mais significativo.

Peugeot 508 PSE
O Peugeot 508 PSE será ser o primeiro modelo a ostentar a nova sigla que vai designar os Peugeot mais desportivos.
VÊ TAMBÉM: Landtrek. A nova pick-up da Peugeot… que não vem para a Europa

E os outros modelos?

Quanto às restantes versões desportivas dos modelos da Peugeot, Jean-Philippe Imparato afirmou que estas vão recorrer à sigla PSE (Peugeot Sport Engineered).

A razão da troca da sigla GTi pela designação PSE deve-se ao facto de, segundo Imparato, “a sensação ao volante dos carros não ser idêntica”. Para o executivo gaulês, trata-se de um novo nível de performance, tendo este ainda acrescentado: “Não são automóveis exclusivamente a combustão interna e as sensações não são as mesmas”.

Face a tudo isto, resta-nos apenas esperar, não só por uma eventual versão desportiva do Peugeot 208, mas também para descobrir qual será o futuro da sigla GTi na marca do leão.

Fonte: Autocar.

 

 

Sabes responder a esta?
Qual era a potência do Peugeot 106 Electric?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Este é o Peugeot 106 Electric, o antepassado do e-208

Mais artigos em Notícias