Venda

Este Subaru Impreza 22B STi está à venda. Preço condiz com exclusividade

Entre os muito Impreza lançados, há uns que são mais especiais e valiosos que outros. O Subaru Impreza 22B STi é, talvez, a jóia da coroa.

Após três campeonatos de construtores consecutivos no WRC, em 1995, 1996 e 1997, a Subaru partilhou as suas conquistas com os seus fãs da melhor forma que sabia, ao conceber a derradeira versão do dominador Impreza, o Subaru Impreza 22B STi.

Surgido em 1998, e coincidindo com o 40º aniversário do construtor japonês, o Impreza 22B STi parecia feito de todos os sonhos e desejos dos fãs do Impreza.

Foi produzido em 424 unidades — 400 para o Japão, 16 para o Reino Unido, cinco para a Austrália e mais três protótipos —, sendo um dos Impreza mais exclusivos de sempre.

VÊ TAMBÉM: As carrinhas desportivas mais radicais de sempre: Subaru Impreza WRX STi Wagon
Subaru Impreza 22B STI, 1998

Por isso, como devem imaginar, não é todos os dias que surgem Impreza 22B à venda, pelo que destacamos esta unidade atualmente à venda pela 4 Star Classics, no Reino Unido. O número limitado de unidades também pode ajudar a justificar o preço pedido: 99 995 libras, o equivalente a quase 116 500 euros.

O que tornava o Impreza 22B STi especial?

Se os Impreza WRX e WRX STi já eram máquinas bastante especiais, o 22B STi elevava tudo a um novo patamar — mais musculado, motor maior com mais binário (e segundo os rumores, mais potência que os 280 cv oficiais), mais largo e chassis aprimorado.

Derivado da carroçaria coupé do Impreza, apresentava-se mais musculado: o capot era único, os guarda-lamas também — o Subaru Impreza 22B STi era 80 mm mais largo e as rodas cresciam de 16″ para 17″ —, os para-choques inspiravam-se nos usados pelos Impreza WRC e ainda recebeu uma asa traseira ajustável.

O boxer de quatro cilindros crescia dos 2.0 l (EJ20) para os 2.2 l (EJ22), com a potência a fixar-se nos 280 cv e o binário nos 363 Nm. A tração era, claro, às quatro rodas, vinha com uma caixa manual de cinco velocidades, com a embraiagem a ser de disco duplo.

Subaru Impreza 22B STI, 1998

A suspensão provinha da Bilstein, o sistema de travagem era majorado com itens da STi, com as pinças a serem pintadas a vermelho. Com uns modestos (para os dias de hoje) 1270 kg, o Impreza 22B STi lançava-se para os 100 km/h em apenas 5,3s e atingia os 248 km/h de velocidade máxima.

VÊ TAMBÉM: Toyota e Subaru mantêm-se unidas e vem aí uma nova geração dos GT86/BRZ

#196/400

A unidade a ser vendida é a 196ª das 400 originais destinadas ao Japão. Tem apenas 40 mil quilómetros e no interior, destaque para o volante Nardi e um manípulo da caixa revestido a pele, com costuras vermelhas; ou o manómetro de pressão do turbo e da temperatura do óleo presente no pilar A. Por baixo do capot, a 4 Stars Classics diz que tudo aparenta estar de origem, exceto a proteção do radiador, da Zero Sports.

A unidade foi registada em julho de 1998 e vem acompanhada com todo o histórico de manutenções efetuado no Japão, assim como os manuais originais.

Sem dúvida, uma ocasião única ou perto disso para adquirir o mais especial dos Impreza. Mas será que o Subaru Impreza 22B STi vale os quase 116 500 euros?

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos