Tuning

Mercedes-AMG GT 63S by Posaidon. Porque 640 cv não eram suficientes…

Como sabes, o Mercedes-AMG GT 63S 4 Portas é uma espécie de supercarro no corpo de uma berlina. Mas para a Posaidon isso ainda não era suficiente.

Potência. Lembras-te do vídeo que gravámos ao volante do Mercedes-AMG GT 63S 4 Portas? Pois bem, alguém achou que uma berlina com 640 cv não era suficiente.

Esse alguém é a Posaidon, uma empresa alemã de tuning, que propõe por cerca de 24 000 euros um upgrade de potência para o Mercedes-AMG GT 63S 4 Portas. No final, levarás para casa o motor 4.0 litros V8 twin-turbo com mais 191 cv (830 cv) e 200 Nm (1 100 Nm) face aos valores de origem.

Graças a estas modificações, o já de balístico AMG GT consegue cumprir os 0-100 km/h em apenas 2,9 segundos e atingir uma velocidade máxima superior a 350 km/h.

A fórmula usada para atingir estes valores é a tradicional: o par de turbos do motor «hot V» recebeu novos componentes (para aumentar a pressão), o sistema de arrefecimento do motor foi revisto e o sistema de escape recebeu conversores catalítico com menos restrições.

Assiste ao nosso vídeo com o AMG GT 4 Portas:

Naturalmente, a gestão eletrónica do motor não foi esquecida, de modo a respeitar os novos parâmetros da mecânica. E até o módulo que controla a altura ao solo da suspensão foi reprogramado para permitir baixar ainda mais a altura ao solo.

VÊ TAMBÉM: Não houve só eletrões. As novidades a octanas da AMG em Frankfurt

A melhor notícia no meio disto tudo? Este kit de potência para o Mercedes-AMG GT 63S 4 Portas também vais estar disponível para o Mercedes-AMG GT R — o mais radical Mercedes-AMG da atualidade.

Um modelo que, por acaso, está neste preciso momento na garagem da Razão Automóvel. Brevemente aqui e no nosso canal de YouTube…

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos