Video

Novo Suzuki Jimny mostra o que vale fora de estrada

O novo Suzuki Jimny tem causado sensação. Mas será que o mini-todo-o-terreno tem o que é preciso para convencer fora de estrada?

O design parece ter vindo diretamente dos anos 80, mas não o torna menos apelativo — o novo Suzuki Jimny é sem dúvida uma das estrelas automóveis deste ano — deverá chegar ao mercado mais para o final do ano. Parece quase um mini Classe G, com linhas quadradas e simples, que lhe dão uma atitude de ser capaz de ultrapassar todos os obstáculos.

Felizmente não é só aparência. Esta é substanciada por um conjunto de soluções retiradas da bíblia para veículos off road “puros e duros” — nada de monocoques como os SUV estradistas que habitam as nossas ruas, com mega-jantes e pneus de baixo perfil.

O Suzuki Jimny, tal como todos os seus antecessores, traz um “bom e velho” chassis de longarinas — a marca anuncia um aumento de rigidez relativamente ao antecessor —, criando uma sólida fundação para a suspensão de eixos rígidos, tanto à frente como atrás, com três pontos de apoio; e um sistema de tração às quatro rodas com três modos disponíveis — 2H (2WD altas), 4H (4WD altas) e 4L(4WD baixas). Apesar das soluções próprias para fora de estrada, a marca promete menos vibrações e mais refinamento quando em asfalto.

RELACIONADO: Suzuki Jimny. Primeiras fotos oficiais confirmam TT genuíno
Suzuki Jimny MY2019 Oficial
A base certa para o trabalho certo. Chassis de longarinas e suspensão de eixos rígidos… Pequeno, mas com muita capacidade
Ângulos
O Suzuki Jimny, compacto e com curta distância entre eixos, apresenta ângulos excelentes para a prática de todo o terreno: 37º, 28º e 49º, respetivamente, ataque, ventral e saída.

Para a Europa, o novo Suzuki Jimny estará disponível com um novo motor a gasolina de 1.5 l, com 102 cv às 6000 rpm e 130 Nm às 4000 rpm. Apesar da maior capacidade que o anterior 1.3, é, no entanto, fisicamente menor e 15% mais leve. A transmissão estará a cargo ou de uma caixa manual de cinco velocidades ou uma automática de quatro, e a marca promete melhores consumos e emissões.

Agora podemos ver o novo Suzuki Jimny em ação no tipo de cenários para o qual foi concebido, mostrando a sua destreza em terra, lama, neve e rocha.

 

Sabes responder a esta?
O que distingue o Suzuki Swift Sport (2018) dos seus antecessores?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Já conduzimos o novo Suzuki Swift Sport… agora com turbo

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos