Produção

Bugatti Chiron. Cem já estão, faltam 400!…

A Bugatti está em festa! Menos de dois anos após o arranque da produção, o construtor francês está a comemorar a montagem — artesanal — da 100.ª unidade do Bugatti Chiron. Já só faltam 400…

Superdesportivo de luxo cuja produção está, desde o início, limitada a apenas 500 unidades, o Bugatti Chiron n.º 100 destina-se a um cliente do Médio Oriente, mais precisamente da Península Arábica. O qual irá pagar pelo seu novo “brinquedo” qualquer coisa como 2,8 milhões de euros — basicamente, um acréscimo de 254 mil euros face ao preço da versão base.

A explicar este montante, não somente uma cor exterior personalizada, um azul escuro mate, que é também uma estreia no modelo, conjugada com a característica linha lateral em ‘C’ em vermelho, a mesma cor das pinças dos travões e de grande parte do interior do habitáculo, revestido, maioritariamente, a pele.

Com uma produção anual fixada em cerca de 70 unidades, todas elas fabricadas artesanalmente, o sucessor do Veyron conta com mais de 300 encomendas reais, às quais o fabricante de Molsheim procura responder, garantindo que a produção segue “a todo o vapor”.

Versão “controversa” ainda por desvendar

Ao mesmo tempo que tenta satisfazer os pedidos já recebidos, a Bugatti lançou o Chiron Sport, uma versão especial e mais leve do modelo, ao mesmo tempo que deu a conhecer, dentro de portas e a apenas alguns clientes pré-selecionados, uma outra versão… mais “controversa”. Versão que deverá ser, mais tarde ou mais cedo, publicamente apresentada.

Sabes responder a esta?
Qual o máximo da potência de carga garantida pela futura rede de abastecimento de supercarregadores Ionity?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Portugal vai estar na frente da mobilidade elétrica e autónoma

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos