Mercado

FCA abandona motores Diesel até 2022?

Ainda não está confirmado oficialmente, mas relatos internos indicam que também a FCA, ou Fiat-Chrysler Automobiles, abandonarão os motores Diesel nos automóveis ligeiros.

De acordo com o Financial Times, a FCA abandonará os motores Diesel progressivamente nos seus automóveis ligeiros até 2022, devido a uma queda na procura e aos custos crescentes associados no cumprimento das normas de emissões.

A confirmação desta decisão deverá surgir no próximo dia 1 de junho, data em que a FCA apresentará o plano estratégico do grupo para os próximos quatro anos.

Ano negro para os Diesel

Em 2017, os Diesel tiveram um ano negro no que toca a vendas na Europa, com uma expressiva redução da sua quota em quase 8%, apesar do crescimento verificado do mercado. Uma tendência que deverá continuar durante este ano e até ao final da década, de acordo com a generalidade dos analistas.

Os custos associados também não param de aumentar, de modo a cumprir as normas de emissões como a Euro 6D, assim como o passar dos testes de certificação WLTP e RDE, que entram em vigor a 1 de setembro deste ano. De acordo com estimativas na indústria, os custos de desenvolver um motor Diesel para os novos regulamentos serão superiores em cerca de 20%, o que também os torna menos apetecíveis aos consumidores.

Curiosamente, em 2017 e na Europa, a FCA foi o único grupo automóvel que viu a quota de venda de modelos Diesel aumentar relativamente a 2016, tendo atingido cerca de 40,6% do total das suas vendas. A razão prende-se com a dependência do grupo relativamente ao mercado italiano — mercado onde a quota de motorizações Diesel tem-se mantido elevada —, e onde se verificaram mais de 50% das suas vendas.

motores Diesel Fiat Ducato
Fiat Ducato

 

Diesel mantém-se… nos comerciais

Ainda de acordo com o Financial Times, apesar do abandono dos Diesel nos automóveis ligeiros, o mesmo não se verificará nos veículos comerciais do grupo. É de esperar que as motorizações Diesel continuem a ser a principal forma de motorizar este tipo de veículos — modelos como a Fiat Ducato e a Iveco Daily e até nas pick-up, como a Ram 1500, que se vende na América do Norte.

RELACIONADO: Fiat. A marca que «inventou» os motores Diesel modernos

Fonte: Financial Times

Sabes responder a esta?
Que motor equipa o Ferrari 488 Pista?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Oficial. Conhece todos os números do Ferrari 488 Pista

Mais artigos em Notícias