Recharge No modo Recharge está a reduzir a sua pegada ecológica.

Obrigado por guardar energia para o que mais importa.

Uma iniciativa
x

Recharge

Estamos a guardar energia para o que mais importa.

Insólito

Empresário chinês comprou BMW de 51 mil euros. E pagou só com moedas!

Um empresário chinês decidiu comprar um BMW com o dinheiro reunido ao longo de anos, tendo começado por dar uma substancial entrada, só em moedas!

O caso, embora não sendo raro (até porque todos nós já o fizemos, ainda que não com este nível de magnitude…), merece, sem dúvida, destaque: um empresário chinês andou durante anos a reunir dinheiro, para comprar um BMW.

Uma vez amealhada uma parte substancial dos 400 mil yuans (pouco mais de 51 mil euros) que o carro custava, dirigiu-se a um concessionário, escolheu a viatura e entregou, como primeiro pagamento, uma substancial entrada — não em cheque, nem sequer em notas, mas utilizando milhões de moedas de cinco maos, o correspondente a cinco cêntimos em euros!

Moedas Mao China 2017

O caso, que assume toda uma nova dimensão quando comparado com aquilo que a maioria de nós consegue fazer, por exemplo, ao pagar um café, um jornal ou até mesmo a lavagem do carro, só com moedas, foi, de resto, notícia no jornal Daily Mail. Com o diário a precisar que o empresário em questão acabou por pagar, logo à cabeça, 70 mil yuans — perto de 9 mil euros. Tudo, mas mesmo tudo, em moedas!

RELACIONADO: BMW 116d. Precisamos mesmo de pequenos familiares com tração traseira?

Quanto às razões que terão permitido que juntasse uma tal quantidade (não especificada) de moedas, ou mesmo se tal terá sido resultado da profissão do homem, que é apresentado apenas como um empresário do sector grossista, o jornal nada explica. Afirmando apenas que, pelo menos, da parte do concessionário, não foram levantados quaisquer problemas quanto ao método de pagamento — ainda que, confirma o vídeo que acompanha a estória, os responsáveis das vendas tenham sido obrigados a passar várias horas a contar as moedas à mão! Não tendo deixado, inclusivamente, de deslocar-se a casa do cliente, no final da contagem, para devolver 10 caixas de moedas, que, certamente por engano, tinham sido entregues a mais.

Moedas Mao China 2017

Vingança… ou urgência em comprar um BMW?

De resto, fica também a dúvida se o empresário não manteria algum tipo de diferendo com o concessionário. Uma vez que poderia, ainda antes de se dirigir ao stand, ter passado por uma instituição bancária, para tentar trocar o montante em notas ou até mesmo num outro modo de pagamento — é que ninguém nos tira da cabeça que, para obrigar uma equipa de vendedores a passar horas a contar moedinhas, só mesmo como ato de vingança!…

No entanto e se esse for o caso, resta aguardar para saber se o empresário conseguirá disfrutar em paz o seu novo BMW, sem receber o devido “troco”…

Sabe responder a esta?
Qual a característica que demarca o BMW Série 1 do restante segmento?
Não acertou..

Mas pode descobrir a resposta aqui::

BMW 116d. Precisamos mesmo de pequenos familiares com tração traseira?

Mais artigos em Notícias