Curiosidade

O que é que o Mini Cooper tem a ver com a mini-saia? Tudo.

O pequeno e mítico automóvel com mais de 50 anos foi a fonte de inspiração para uma das melhores criações dos anos 60, a mini-saia.

O mundo automóvel está constantemente a surpreender-nos. Esse é aliás um dos motivos pelo qual gostamos do que fazemos aqui na Razão Automóvel.

Inevitavelmente as mulheres estão ligadas ao desporto automóvel, já o dissemos aqui, aqui e aqui. Seja a animar um paddock, a dar mais glamour a uma pit lane, ou a destacar as mais belas máquinas num salão automóvel.

O Guilherme, o nosso diretor editorial, por exemplo afirma aqui que: “As mulheres fazem falta em todo o lado. Seja à frente dos destinos de uma nação ou debaixo de um guarda-sol numa grelha de partida”. É um facto! Todos concordamos, certo?

Mas também podemos considerar que não há mulheres e deporto automóvel sem uma outra obra criada nos anos 60 por uma senhora chamada Mary Quant… a mini-saia! Concordas?

mulheres grid girls
Imagem muito comum por esses paddocks, principalmente nos do Moto GP, onde as mini-saias nunca faltam.

Entretanto, enquanto procurava algumas imagens para este artigo, percebi o motivo pelo qual o Guilherme é um fã incondicional do Moto GP, mas adiante…

Do Mini Cooper à mini-saia

Mary Quant, uma estilista britânica foi a responsável pela criação da mini-saia na década de 1960. O diminuto pedaço de pano que mudou o guarda-roupa feminino atraindo os olhares masculinos até aos dias de hoje.

Mas então e qual a ligação com o pequeno carro da marca britânica? Já vos dei uma dica… pequeno…

Pois bem, a estilista inspirou-se no seu primeiro carro, um Mini Cooper preto com estofos em pele preta, para desenhar a primeira mini-saia. A “obra” foi considerada uma das invenções mais importantes ou significativas dos anos 60. Não conheço as outras, mas acredito que sim!

mini cooper mini saia mary quant
A estilista em frente à sua loja em Londres, com um Mini edição Mary Quant limited edition.

Tendo em conta que o popular modelo da marca britânica surgiu em 1959, e que a criação da mini-saia data de 1960, tudo faz sentido. A propósito, podes conhecer aqui a história da evolução do logótipo da MINI, recentemente renovado.

Para além disso, saber que foi um automóvel que serviu de inspiração para uma outra obra tão interessante e apreciada como a mini-saia, é surpreendente e motivador para nós que escrevemos sobre automóveis.

Numa entrevista que podes ver no vídeo em baixo, a estilista disse que o Mini foi o seu primeiro carro e que era perfeito, acrescentando ainda que tem tudo a ver com a mini-saia. Traduzindo à letra a sua afirmação num documentário: “Toda a gente o queria, era exuberante, otimista, formidável e jovem”.

The Mini car went exactly with the miniskirt: it did everything one wanted, it looked great, it was optimistic, exuberant, young, flirty, it was exactly right
Mary Quant

A ligação entre a estilista e o pequeno carro britânico foi de tal forma que chegou mesmo a existir uma edição especial e limitada do Mini Cooper denominada de Mary Quant Limited Edition.

Sir Alec Issigonis, o criador do Mini, estava longe de imaginar que a sua invenção iria dar a origem a tão “desconcertante” criação, a mini-saia.

Aqui pela Razão Automóvel agradecemos a ambos os bons momentos de inspiração. Enquanto os automóveis também servirem de inspiração a obras como a mini-saia, nós mantemo-nos a viver disto.

Mais artigos em Crónicas

Os mais vistos

Pub