Salão de Frankfurt 2017

BMW Concept X7 iPerformance. O BMW com os maiores rins da história

O BMW Concept X7 iPerformance antecipa o maior SUV de sempre da marca alemã. Mais um reforço para a presença da marca no segmento de luxo.

Olhem para aquela frente. O duplo rim – símbolo máximo para identificar um BMW na estrada – assume dimensões épicas. Tem de ser o maior duplo rim de sempre a “agraciar” a frente de um BMW. E não só o duplo rim é gigante, como o Concept X7 iPerformance deve ser o mais volumoso BMW de sempre.

Tal como fez com o Z4 Concept e Concept Série 8 – também presentes em Frankfurt – o Concept X7 iPerformance antecipa de forma bastante aproximada o que esperar do BMW X7. Este posicionar-se-á acima do X5, destacando-se pela presença de três filas de bancos. O concept presente no salão mostrava seis lugares, mas é de esperar que o carro de produção venha, igualmente, com sete.

Para integrar a terceira fila de bancos o Concept X7 iPerformance teve de crescer relativamente ao X5. São mais 113 mm (5,02 m) de comprimento, 82 mm (2,02 m) de largura e 37 mm (1,8 m) de altura. Também a distância entre eixos é 76 mm mais longa atingindo os 3,01 m.

O futuro rival do Mercedes-Benz GLS e Range Rover apresentou-se em Frankfurt com a designação iPerformance o que indica o recurso a uma motorização híbrida. Segundo os responsáveis da marca, o objectivo é duplicar a autonomia elétrica relativamente às atuais propostas híbridas da marca.

O Concept introduz o ADN dos Sports Activity Vehicle da BMW no segmento de luxo. A nova linguagem de design da BMW emprega apenas algumas, extremamente precisas linhas e modelação da superfície subtil para elevar o nível em termos de presença e prestígio. O BMW Concept X7 iPerformance possui um ambiente luxuoso e sofisticado, graças ao seu uso discreto de formas e detalhes incrivelmente precisos.
Adrian van Hooydonk, Vice Presidente Senior BMW Group Design.

BMW de elite

O Concept X7 iPerformance (futuro X7) e o Concept Série 8 (futuro Série 8) são adições ao segmento do luxo por parte da BMW, onde se integram os atuais Série 7 e o i8. A estratégia da marca passa por reforçar a presença neste segmento, crescendo não só em vendas como em lucros.

Para corresponder às intenções mais elitistas para estes modelos, a BMW quer criar alguma distância aos restantes, procurando um tipo de cliente mais exigente e específico. E um dos passos dados passou mesmo pelo recurso a um logótipo revisto da marca, que surgirá nestes modelos numa nova versão a preto e branco e com “Bayerische Motoren Werke” escrito por extenso. Como a marca refere:

Os modelos emblemáticos da BMW incorporam uma nova compreensão do luxo – uma que reúne uma emoção definida pela estética inspiradora e a alegria de conduzir com a experiência da liberdade e individualidade autodeterminada.

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos

Pub