O adeus à víbora

Este foi o último Dodge Viper a sair da linha de produção

O fim já tinha sido anunciado, mas agora tornou-se real. O último Dodge Viper saiu da linha de produção no dia 16 de agosto.

Sabíamos que vinha aí. Mas mesmo assim é com alguma tristeza que vemos o fim de produção do Dodge Viper, um dos desportivos mais carismáticos de sempre.

Último Dodge Viper

O último modelo a sair da linha de produção só podia ser de cor vermelha, fechando um círculo que se iniciou com a apresentação do concept em 1989. Esta unidade não será vendida, passando a fazer parte da coleção da marca. A última unidade a ficar nas mãos de um cliente é a de cor amarela que podemos ver no instagram de Ralph Gilles, o chefe de design do grupo FCA.

Ralph Gilles marcou o momento para a prosperidade com diversas imagens publicadas na sua conta do Instagram:

So long… #Viper

Uma publicação partilhada por @ralphgilles a

Não deixa de ser irónico que um dos modelos que mais marcou pela sua brutalidade e sonoridade, acabe a sua carreira de forma tão discreta e silenciosa. A sua produção iniciou-se em 1992, com a geração atual e última a ter sido introduzida em 2013 e sempre produzido nas instalações de Conner Avenue.

Concebido segundo premissas semelhantes às do Shelby Cobra, o Dodge Viper criou forte impacto quando apresentado como concept. De tal forma que a Chrysler decidiu avançar com a sua produção.

Dodge Viper concept 1989
O concept de 1989 do Dodge Viper

Um modelo brutal que marcou imediatamente pelo seu enorme V10 de 8.0 litros de capacidade, os seus escapes laterais e a falta de civismo. Não trazia janelas, nem capota, nem ar condicionado e nem sequer manípulos para abrir as portas por fora. Felizmente evoluiu tornando-se mais civilizado, mas nunca perdeu o seu feitio rude e selvagem. Era um carro para ser dominado, mas esta musculada víbora nunca se deixou domesticar.

Recebeu fortes críticas pela rudeza intrínseca, mas a sua eficácia foi mais que provada. Correu em Nürburgring, Le Mans, com mais de 160 vitórias em diversas competições e conquistou 23 campeonatos de construtores e 24 de pilotos. Um dos quais – o campeonato GT2 em 1998 – com Pedro Lamy aos comandos.

Ainda relativamente à sua eficácia dinâmica, a Dodge com o Viper ACR, uma versão otimizada para circuitos, bateu uma série de recordes nos mais variados circuitos norte-americanos, batendo máquinas muito mais recentes e sofisticadas.

Entusiastas da víbora levaram durante este mês um Dodge Viper ACR ao Nürburgring para uma tentativa de bater o recorde do circuito. O recorde absoluto não caiu, mas os 7:03.45 alcançados permitiram ao Viper amealhar mais uns quantos recordes. É o carro de tração traseira, de transmissão manual e de origem americana mais rápido a rodar no circuito alemão. Está planeado o regresso ao circuito para uma nova tentativa.

Até sempre Viper!

Fica a despedida por Ralph Gilles:

#TBT 🙁#Viper

Uma publicação partilhada por @ralphgilles a

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos

Pub