Tuning

Pogea Racing propõe Fiat 500 com mais de 400 cavalos!

Depois do upgrade que fez ao Abarth 595 em 2015, a preparadora alemã Pogea Racing decidiu elevar uma vez mais a fasquia - e de que maneira!

Colocar 410 cv de potência e 445 Nm de binário num pequeno Fiat 500 – ou para ser mais correcto, num Abarth 595 – não é uma ideia que passe pela cabeça de muitas preparadoras. Mas a Pogea Racing não é uma preparadora qualquer…

Se o anterior Abarth 595 com 335 cv da mesma casa já era capaz de deixar qualquer um de queixo caído, o que dizer do novo «pocket rocket» preparado pela casa de tuning de Friedrichshafen…

Vale a pena repetir: são 410 cv de potência e 445 Nm de binário, extraídos do pequeno motor turbo 1.4 litros de quatro cilindros. Relembremos que o ponto de partida é de apenas 135 cv. É certo que restam poucos componentes de fábrica – turbo de maiores dimensões, injetores modificados, pistões forjados, novo sistema de escape, caixa manual de cinco velocidades alterada, nova embraiagem, volante motor em alumínio, etc – mas ainda assim, estes números não deixam de impressionar.

Como colocar toda esta potência no chão?

O pequeno Abarth, rebatizado pela Pogea Racing de Ares 500, continua a ter apenas tração à frente. Não é, definitivamente, a melhor opção quando queremos passar mais de 400 cavalos para o asfalto. Para ajudar nessa hercúlea tarefa, foi acrescentado um diferencial autoblocante. E como devem imaginar, o chassis foi bastante alterado.

A diferença mais evidente passa pelo aumento de largura de vias, visível pelas adições em fibra de carbono dos guarda-lamas. O Ares 500 é 48 mm mais largo tanto à frente como atrás (vias mais largas em 20 e 30 mm respectivamente ) em relação ao Abarth. Também as rodas crescem em dimensão – as jantes são agora de 18 polegadas, conjugadas com pneus de dimensão 215/35. A suspensão provém da KW, é totalmente ajustável e é suportada por barras estabilizadoras à frente e atrás.

As rodas maiores permitiram adicionar discos de maior dimensão – agora são de 322 mm de diâmetro – equipados com novas pinças de seis pistões. Travar é muito importante…

ANTEVISÃO: Próximo Fiat 500 com motorização híbrida? Parece que sim

Isto porque a Pogea Racing anuncia performances incríveis. É capaz de acelerar dos 0 aos 100 km/h em – wait for it…escassos 4.7 segundos, isto de acordo com a preparadora alemã. A velocidade máxima é de 288 km/h… num Fiat 500!

Em termos estéticos, o citadino recebeu um bodykit completo (para-choques, spoiler traseiro, capot, capas dos espelhos, etc) feito em fibra de carbono. A dieta “rica em fibra” de carbono permitiu manter o peso do Ares 500 abaixo da tonelada, mais precisamente 977 kg, com o depósito atestado e sem condutor! Por dentro, a Pogea Racing apostou num sistema de infoentretenimento da Pioneer, bancos desportivos e acabamentos em tons de vermelho.

Para já, a Pogea Racing planeia produzir apenas cinco exemplares. Cada um deles vai custar 58.500 €, sem impostos, e já inclui a aquisição de um Abarth 595 base. Para os que já são proprietários de um Abarth 595, o upgrade ao motor pode ser feito separadamente, e vai custar 21.000 €.

Mais artigos em Notícias