Recharge No modo Recharge está a reduzir a sua pegada ecológica.

Obrigado por guardar energia para o que mais importa.

Uma iniciativa
x

Recharge

Estamos a guardar energia para o que mais importa.

Nio EP9 chega aos 258 km/h. Condutor? Nem vê-lo.

De uma só assentada, a start-up NextEV estabeleceu dois novos recordes no Circuito das Américas (Texas, EUA) com o seu mais recente Nio EP9.

Se ainda não conheces o Nio EP9, fica a saber que é o desportivo elétrico mais rápido de sempre no Nürburgring Nordschleife, e que deixou para trás modelos como o Nissan GT-R Nismo e mesmo o Lexus LFA Nürburgring Edition.

Graças a quatro motores elétricos, o Nio EP9 consegue desenvolver 1.350 cv de potência e 6.334 Nm de binário (!). E porque se trata de um elétrico, a NextEV anuncia ainda uma autonomia de 427 km; as baterias demoram 45 minutos a serem carregadas.

SALÃO DE GENEBRA: O Dendrobium não quer ser só mais um desportivo elétrico

Para provar não só a performance mas também as capacidades de condução autónoma do Nio EP9, a NextEV levou-o para o Circuito das Américas em Austin, no Texas. Como podes ver no vídeo em baixo, o Nio EP9 foi capaz de percorrer os 5.5 km do circuito em 2 minutos e 40 segundos sem condutor, e pelo meio atingiu uma velocidade máxima de 258 km/h.

Ainda assim, por mais avançadas que sejam as tecnologias de condução autónoma atuais, em circuito os humanos continuam a levar a melhor. No mesmo exercício mas com um piloto ao volante, o Nio EP9 estabeleceu um novo recorde no circuito com o tempo de 2 minutos e 11 segundos, atingindo uma velocidade de 274 km/h. Os humanos ainda continuam a mandar. Ainda…

Segue a Razão Automóvel no Instagram e no Twitter