Apresentação

Callaway C21 AeroWagen, um Corvette shooting brake

A Callaway apresentou finalmente a C21 AeroWagen, uma shooting brake baseada no Corvette. "Finalmente", pois já foi há quase quatro anos que a anunciaram.

A Callaway, famosa pelos seus Chevrolet Corvette vitaminados, é uma empresa americana que, para além da preparação de diversos modelos, fornece serviços de engenharia e dispõe do seu próprio departamento de competição, com sede na Alemanha. Concebeu, entre outros e independentemente da Chevrolet, o seu próprio Corvette para campeonatos de GT3.

Após o lançamento do Chevrolet Corvette Stingray em 2013 (geração C7), a Callaway revelou uma proposta de conversão do coupé para uma shooting break. Mas tivemos de esperar, e só agora, em 2017, ficamos a descobrir os contornos do volume extra do Corvette, denominado C21 AeroWagen.

Callaway C21 AeroWagen e corvette c7

A conversão é efectuada através de um kit, composto por uma série de painéis em fibra de carbono e um vidro com desembaciador integrado. Como se pode observar, o resultado final acaba por ser bastante discreto, com o Corvette a ganhar um perfil que podemos acusar de ter algumas semelhanças a uma carrinha.

Se estavam à espera de um rival para o Ferrari FF ou GTC4 Lusso, enganem-se, pois o C21 AeroWagen continua a ter apenas dois lugares. O que o C21 AeroWagen ganha, além de um estilo alternativo, é espaço para bagagens, e, segundo a Callaway, uma redução nos valores de resistência aerodinâmica.

Callaway C21 AeroWagen frente

Ao não existirem alterações estruturais, a conversão é totalmente reversível. Também não afecta a funcionalidade da abertura da tampa da mala, ou até o uso do tecto removível.

O preço da conversão para transformar o Corvette num C21 AeroWagen é de 14990 dólares (aproximadamente 14 mil euros), o que inclui um spoiler em fibra de carbono, denominado de AeroSpoiler.

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos