Testes de condução autónoma sem condutor já são legais na Califórnia

A nova legislação aprovada pelo estado da Califórnia permite os testes com modelos autónomos sem o condutor dentro do veículo.

Um pequeno passo para o homem, um grande salto para… a condução autónoma. O estado da Califórnia – sede de várias empresas ligadas às tecnologias de condução autónoma, como a Apple, Tesla e Google – foi o primeiro estado norte-americano a permitir a realização deste tipo de testes em estrada pública. Isto significa que a partir de agora, os fabricantes poderão testar protótipos 100% autónomos, sem volante, pedal de travão ou acelerador, e sem a presença de um condutor dentro do veículo.

VEJAM TAMBÉM: Todos os detalhes do primeiro acidente mortal com um carro autónomo

Contudo, o estado da Califórnia estipulou um conjunto de condições para que os testes possam ser legais. Em primeiro lugar, os testes terão que decorrer “em parques empresariais previamente designados”, podendo abarcar as estradas públicas em redor desses mesmos parques. Os veículos nunca poderão circular acima dos 56 km/h, além de que a validade e a segurança da sua tecnologia terá de ser comprovada em locais de ambiente controlado. O carro deve ainda ter seguro, ou uma cobertura de responsabilidade civil equivalente, no valor mínimo de 5 milhões de dólares (cerca de 4,4 milhões de euros), e por último, os veículos em questão estão obrigados a reportar quaisquer problemas com a tecnologia de condução autónoma.

Fonte: Autocar

Segue a Razão Automóvel no Instagram e no Twitter

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos