Mercedes Vision Tokyo: uma sala de estar em movimento

A Mercedes Vision Tokyo será uma das ‘estrelas de Estugarda’ no Salão de Tóquio.

A Mercedes acredita que num futuro próximo o automóvel será efectivamente autónomo. Acredita também que com a condução entregue ao próprio carro, num futuro próximo o automóvel passará a funcionar como uma sala de estar rolante, onde os passageiros aguardam pacientemente a chegada ao destino. Com esta mudança de paradigma, a disposição do interior dos automóveis atuais com bancos à frente e atrás voltados para a dianteira deixará de fazer sentido. O Mercedes Vision Tokyo é a materialização desta visão de futuro.

Assim sendo, o novo concept de Estaguarda apresenta uma configuração de interior totalmente diferente do habitual, com um sofá oval a dominar o habitáculo em quase toda a sua extensão – semelhante ao que encontramos nos lounge modernos. O interior é totalmente interactivo e recorre à tecnologia de holograma no centro e a ecrãs LED em todo o habitáculo. Uma disposição que segundo a marca teve em linha de conta as tendências da geração Z (pessoas nascidas a partir de 1995) que valorizam o convívio, a conectividade e a tecnologia.

A NÃO PERDER: Hyundai Santa Fé: o primeiro contacto

As dimensões do Mercedes Vision Tokyo são semelhantes a um monovolume tradicional (à excepção das excessivas rodas de 26 polegadas visíveis nos teasers apresentados): 4803mm de comprimento, 2100mm de largura e 1600mm de altura. Para fugir aos olhares alheios vindos do exterior, o Mercedes-Benz Vision Tokyo terá janelas pintadas da mesma cor que o exterior do veículo. O uso de janelas de grandes dimensões permite, também, a entrada de uma maior percentagem de luz natural.

VEJA TAMBÉM: Audi A4 Avant (geração B9): a melhor resposta

Quanto a motorizações, o Mercedes Vision Tokyo foi idealizado com baterias que lhe conferem 190 km de autonomia e uma célula de combustível a hidrogénio capaz de gerar energia para 790 km, num total de quase 1000km de autonomia entre abastecimentos. É a segunda vez que a marca alemã idealiza o futuro do automóvel sob este conceito de ‘sala de estar’, a primeira vez foi com o Mercedes-Benz F 015 Luxury in Motion.

Mercedes-Benz-Vision-Tokyo-10

Segue a Razão Automóvel no Instagram e no Twitter

Mais artigos em Notícias