Félix da Costa vence GP de Macau e Monteiro salta para o pódio no WTCC

Foi um fim de semana intenso para os nossos marinheiros do desporto motorizado. António Felix da Costa é o segundo português a vencer uma prova em Macau, mas o único que o fez em representação de Portugal e Tiago Monteiro levou o novo Civic ao pódio!

Não foi uma vitória qualquer, arrancou na “pole position” mas perdeu alguns metros para o “Felix Sueco” da Mucke Motorsport. Coincidência das coincidências, logo na curva do Hotel Lisboa, Félix da Costa passou para primeiro lugar e nunca mais o largou. Mais perto da F1, Félix da Costa promete e o futuro espera-se brilhante para o jovem piloto português.

No WTCC Tiago Monteiro foi brilhante tendo ao fim de três jornadas colocado o seu Civic no pódio ao garantir o terceiro lugar na primeira corrida. Apesar de terminar em quarto lugar, a equipa sente que cumpriu todos os objetivos e termina esta época garantindo que terá pela frente um 2013 muito promissor. Excelente trabalho!

Dias negros no “Mónaco da Ásia”
Estes últimos dias ficam também na memória pela perda do piloto português de motociclismo Luís Carreira no GP de Macau. O despiste na zona mais rápida do circuito foi fatal para o piloto de 35 anos. Na qualificação para a Taça de CPM, integrada no GP de Macau e apenas um dia depois da morte do piloto português, o circuito fez mais uma vítima – o piloto de Hong Kong Philip Yau que aos comandos de um Chevrolet Cruze se despistou após perder o controlo do carro na curva do Hotel Mandarim, os ferimentos foram fatais para o piloto.

Circuito da Guia – um dos mais perigosos
O circuito da Guia, com uma extensão de 6.2km e um total de 19 curvas é considerado um dos mais perigosos do mundo, tendo já tirado a vida a 5 pilotos. A volta mais rápida foi conseguida pelo suíço Edoardo Mortara em 2009, ao volante de um Fórmula 3 da Signature/Volkswagen. Completou a volta em 2m10.732s.

Texto: Diogo Teixeira