RB17, o primeiro hipercarro da Red Bull chega em 2025 com mais de 1115 cv

Estamos a guardar energia para o que mais importa.

Hiperdesportivos

RB17, o primeiro hipercarro da Red Bull chega em 2025 com mais de 1115 cv

É oficial, a Red Bull vai mesmo construir o seu primeiro hipercarro, o RB17, que vai custar mais de 5 milhões de euros.

A Red Bull acaba de confirmar que vai construir o seu primeiro hipercarro, o RB17, que vai ser limitado a 50 exemplares e custará mais de 5 milhões de euros.

O RB17 será construído sob a liderança de Adrian Newey, o diretor técnico da equipa de Fórmula 1 da “marca do touro”, e pela Red Bull Advanced Technologies, o “braço” de engenharia da Red Bull Racing, em Milton Keynes, no Reino Unido.

O mesmo é dizer que este RB17 será pensado pelas mesmas pessoas que colaboraram com a Aston Martin na criação do Valkyrie e do Valkyrie AMR Pro, cujo pacote aerodinâmico foi aprovado pelo próprio Newey, tantas vezes apelidado de “mago” da F1.

A NÃO PERDER: Aumentem o som. Este é o V12 explosivo do Aston Martin Valkyrie AMR Pro
Aston Martin Valkyrie
Aston Martin Valkyrie

A grande diferença para o Valkyrie, por exemplo, é que este RB17 não é somente um projeto em que a Red Bull vai colaborar.

É, isso sim, um projeto próprio da marca de bebidas energéticas, mais propriamente “o primeiro hipercarro desenhado, desenvolvido e produzido inteiramente em casa”, como se pode ler no comunicado da Red Bull Advanced Technologies.

Aston Martin Valkyrie
Aston Martin Valkyrie

O que esperar?

Até ao momento a Red Bull divulgou apenas uma ilustração do RB17 que evoca as linhas de perfil deste hiperdesportivo, mas que ainda não nos permite tirar grandes conclusões.

Mas sabe-se que a aerodinâmica será um dos focos principais do modelo que, de acordo com a Red Bull, terá o “efeito de solo mais avançado de todos os carros produzidos em série”.

LEIAM TAMBÉM: Koenigsegg Jesko Absolut. A primeira unidade de testes já está pronta

“Impulsionado pela nossa paixão pela performance, o RB17 ultrapassa os limites técnicos e de design muito além do que estava anteriormente disponível para entusiastas e colecionadores”, afirmou Adrian Newey.

Red Bull Racing Newey Horner-2
Adrian Newey e Christian Horner

Mais de 1115 cv

A animar este hiperdesportivo estará um sistema híbrido, apoiado num motor V8, que vai oferecer mais de 1115 cv de potência.

Contudo, a Red Bull ainda não especificou se este bloco de oito cilindros será turboalimentado ou naturalmente aspirado. Também não foram divulgadas estimativas acerca da velocidade de ponta ou das acelerações, mas podemos antecipar que será rápido. Muito rápido.

É que se dúvidas houvessem de que este será um projeto radical, Christian Horner, o “patrão” da Red Bull Racing, admitiu em declarações aos britânicos da Autocar que a melhor forma de descrever o RB17 é dizendo que é um “Adrian Newey sem amarras”.

Adrian Newey Red Bull F1 Getty Images / Red Bull Content Pool

Quando chega?

A Red Bull já fez saber que a produção do RB17 vai começar em 2025 e que só serão construídas 50 unidades.

A NÃO PERDER: V12 do GMA T.50 soa como um Fórmula 1 de outros tempos

Tal como referimos acima, cada um destes exemplares terá um preço base de 5 milhões de libras esterlinas, qualquer coisa como 5,79 milhões de euros, antes de impostos.

Mas quem comprar este hipercarro vai ter ainda acesso a um leque de serviços que prometem enriquecer toda a experiência: acesso ao simulador da Red Bull Racing, acesso a cursos de condução especiais, ajuda com a manutenção do veículo e apoio técnico sempre que necessário.

Sabe responder a esta?
Em que ano foi conhecido o coupé mais emblemático da Volvo, o P1800?
Não acertou..

Mas pode descobrir a resposta aqui::

Volvo P1800. O coupé sueco mais especial de sempre está de parabéns

Mais artigos em Notícias