Comprar um SUV de 7 lugares. É só uma questão de espaço?

Recharge No modo Recharge está a reduzir a sua pegada ecológica.

Obrigado por guardar energia para o que mais importa.

Uma iniciativa
x

Recharge

Estamos a guardar energia para o que mais importa.

Guia de Compra

Comprar um SUV de 7 lugares. É só uma questão de espaço?

Para colocar à prova o espaço do SEAT Tarraco multiplicámos o Guilherme e fizemos um desafio de carga com caixas de cartão. Será que passou no teste?

AdvertisementO que leva afinal alguém a comprar um SUV de sete lugares? A resposta a esta importante pergunta até pode começar pelo espaço, mas está muito longe de se esgotar aí. E para o demonstrar recorremos ao SEAT Tarraco, o SUV XXL espanhol nas suas várias especificações técnicas.

É o topo de gama da marca espanhola e o maior SUV da história da marca espanhola. Neste vídeo, sujeitámos o SEAT Tarraco a algumas provas, de espaço e não só:

SEAT Tarraco. Espaço… e não só

O espaço é naturalmente um dos argumentos do Tarraco, que conta com mais de 4,70 metros de comprimento. Mas para as famílias mais numerosas, além do espaço também é importante a versatilidade.

Na segunda fila de bancos, por exemplo, há espaço adicional para colocar duas cadeirinhas de bebé. Uma capacidade que é ajudada pela ampla abertura das portas.

SEAT TARRACO 1 © Razão Automóvel

Ou então, podemos continuar a trabalhar durante a viagem, já que as costas dos dois bancos dianteiros “escondem” duas pequenas mesas que permitem colocar um laptop ou um tablet.

E se os bancos traseiros estiverem ocupados, contamos sempre com dois lugares extra na terceira fila, que podem servir para transportar adultos durante pequenas deslocações, ou então para acomodar duas crianças durante viagens mais longas.

Para demonstrar esta versatilidade, multiplicámos o Guilherme Costa por três e sentámo-lo nas duas filas traseiras.

SEAT TARRACO 1 © Razão Automóvel

Teste das caixas

Quanto ao espaço de carga, o SEAT Tarraco disponibiliza 700 litros nas versões com motor a combustão e 610 litros na versão híbrida plug-in e-HYBRID, por culpa do posicionamento das baterias, que surgem por baixo do piso da bagageira, o que impossibilita também a oferta dos sete lugares nesta variante.

Mas quando começamos a “brincar” com o rebatimento dos bancos, que é feito de forma simples e rápida, através de duas patilhas colocadas nas laterais da bagageira, conseguimos 1755 litros de capacidade de carga.

E para termos noção do que esta volumetria representa no “mundo real”, desenvolvemos um teste muito complexo — ou não… — que envolveu 19 caixas de cartão de vários tamanhos distintos.

E o Tarraco não só conseguiu engoli-las a todas sem grandes dificuldades como ainda nos deixou com a sensação de que era possível encaixar mais caixas.

SEAT Tarraco

Qual o melhor motor? Diferentes filosofias

O SEAT Tarraco está disponível com uma ampla gama de motorizações, que podem ser associadas a uma caixa manual de seis velocidades ou à já conhecida caixa automática de dupla embraiagem DSG de sete velocidades (seis velocidades no caso da versão e-HYBRID) da SEAT.

A gama do Tarraco arranca com o motor 1.5 TSI de 150 cv. Já para as famílias onde as viagens mais longas são uma constante, o motor 2.0 TDI com 150 cv pode ser a escolha mais adequada.

Por fim, e com particular relevância para as empresas ou para os clientes que façam uma utilização maioritariamente urbana, existe a versão híbrida plug-in — e-HYBRID — que junta um motor a gasolina 1.4 de 150 cv com um motor elétrico de 115 cv (85 kW) alimentado por uma bateria de iões de lítio com 13 kWh.

O resultado final é uma potência máxima combinada de 245 cv e um binário de 400 Nm, bem como uma autonomia 100% elétrica de até 49 km (ciclo WLTP).

Todas as motorizações e principais características:

  • 1.5 TSI, 150 cv e 250 Nm, cx. DSG 7 vel., 199 km/h vel. máx., 7,6 – 8,62 l/100km, 172 – 195 g/km;
  • 2.0 TDI, 150 cv e 360 Nm, cx. DSG 7 vel., 196 km/h vel. máx., 5,7 – 6,34 l/100km, 149 – 166 g/km;
  • 2.0 TDI, 150 cv e 340 Nm, cx. manual 6 vel., 199 km/h vel. máx., 5,4 – 6,17 l/100km, 141 – 161 g/km;
  • 1.4 e-HYBRID, 245 cv e 400 Nm, cx. DSG 6 vel., 205 km/h vel. máx, 1,9 – 2,2 l/100km, 43 – 50 g/km.

Os níveis de equipamento do SEAT Tarraco

A gama SEAT Tarraco divide-se em três níveis de equipamento: Style, Xcellence e FR.

SEAT TARRACO 1
Versão FR apresenta detalhes exteriores mais desportivos. © Razão Automóvel

Seja qual for a versão, o Tarraco conta sempre com uma lista de equipamentos de série vasta, onde se destacam elementos como: jantes de liga leve de 17”, ar condicionado, painel de instrumentos digital, sistema media plus de 8,25”, 2 portas USB Type C dianteiras + 1 porta USB Type C traseira, sistema Full Link, assistente de faixa de rodagem, câmara multifunções, cruise control adaptativo (com sistema “follow-to-stop“) e limitador de velocidade, front assist com assistente de travagem em cidade, protecção pro-activa e extensível a peões e ciclistas e faróis full LED, entre outros equipamentos.

A tudo isto, as variantes Xcellence e FR acrescentam ainda uma lista de equipamento mais extensa e um caráter mais vincado. A versão Xcellence aposta nos equipamentos de conforto, para uma experiência mais requintada. A versão FR privilegia a dinâmica e oferece a este SUV um perfil mais dinâmico.

Os preços do SEAT Tarraco:

VERSÃO POTÊNCIA Preço
2.0 TDI STYLE 150 cv 39 832 €
2.0 TDI STYLE DSG 150 cv 41 493 €
1.5 TSI XCELLENCE DSG 150 cv 43 129 €
2.0 TDI XCELLENCE DSG 150 cv 45 437 €
1.4 E-HYBRID XCELLENCE DSG 245 cv 46 937 €
2.0 TDI FR DSG 150 cv 45 537 €
1.4 E-HYBRID FR DSG 245 cv 48 434 €
Este conteúdo é patrocinado porSEAT

Mais artigos em Branded Content