Recharge No modo Recharge está a reduzir a sua pegada ecológica.

Obrigado por guardar energia para o que mais importa.

Uma iniciativa
x

Recharge

Estamos a guardar energia para o que mais importa.

Concept Voador

AIR4. Esta Renault 4L do futuro é um drone

A Renault juntou-se ao centro de design TheArsenale para criar uma das versões mais surrealistas da icónica 4L até à data, um drone.

Para assinalar os 60 anos da Renault 4L, a marca francesa juntou-se ao centro de design TheArsenale e criou um protótipo futurista que reinterpreta este modelo icónico como um drone capaz de transportar uma pessoa.

Sim, isso mesmo. Para festejar o 60.º aniversário da 4L, um automóvel que vendeu mais de oito milhões de unidades em todo o mundo, a Renault tem vindo a realizar uma série de iniciativas ao longo do ano para assinalar esta data histórica.

Foi assim que ficámos a conhecer o Suite N.º4, um protótipo que transformou a Renault 4L numa espécie de hotel sobre rodas. Mas agora, a Renault foi mais longe e fez dela um drone.

A NÃO PERDER: Viajei ao passado e conduzi uma Renault 4L de 1980
Showcar AIR4

Simples, eficiente e versátil, a Renault 4L original era descrita pelo antigo Presidente do Grupo Renault, Pierre Dreyfus, como sendo um “par de calças de ganga”. Mas nem o próprio «patrão» da Renault na época terá pensado que a versatilidade deste modelo o levaria a… voar!

Renault AIR4: licença para voar

“Após um ano de celebração, quisemos criar algo não convencional para encerrar o 60.º aniversário da 4L”, destaca Arnaud Belloni, Director de Marketing Global da Marca Renault.

“Esta colaboração com TheArsenale surgiu naturalmente. O protótipo de automóvel voador AIR4 é algo ainda não visto e um piscar de olhos de como este ícone poderia ficar daqui a outros 60 anos”, acrescenta.

Construído integralmente em fibra de carbono, este AIR4 resultou de uma reinterpretação moderna das linhas originais da 4L, mantendo inclusive as dimensões do modelo original. Contudo, a rigidez foi completamente revista para incluir novos conceitos, tais como impulso ou elevação, o que exigiu horas de cálculos e testes.

Baseando-se em técnicas de desenho generativo, que tiram partido da inteligência artificial, os engenheiros de TheArsenale testaram terabytes de dados para melhorar e afinar as ideias dos designers, mesmo antes de iniciar os primeiros ensaios no mundo real.

Showcar AIR4

Como funciona?

O AIR4, sendo um drone, não conta com rodas para se movimentar. Em vez disso tem quatro hélices de duas pás, uma em cada canto do veículo. O chassis assenta no meio do quadro onde também ficam os rotores e o condutor pode aceder e sentar-se na cabina do veículo, levantando a concha reimaginada do Renault 4, que é articulada na sua zona frontal.

Do ponto de vista técnico, o AIR4 conta com baterias de polímeros de lítio 22 000 mAh (miliampere hora), que geram uma potência total de 90 000 mAh. Graças a estes números é capaz de atingir uma velocidade máxima horizontal de 26 m/s, cerca de 93,6 km/h.

Showcar AIR4

Com um impulso vetorial máximo de 380 kg, ou 95 kg por hélice, o AIR4 é ainda capaz de voar até uma altitude de 700 metros.

A caminho dos Campos Elísios, em Paris

Apresentado esta sexta-feira (26 de novembro) em formato digital, o AIR4 será exibido ao público já a partir da próxima segunda-feira e até ao final do ano, no L’Atelier Renault (imagem abaixo), nos Campos Elísios, em Paris (França), juntamente com outras versões históricas da 4L.

A partir de 2022, a AIR4 chegará a solo americano, em Miami, seguindo depois para Nova Iorque, e fará ainda uma paragem rápida em Macau.

60 anos Renault 4L © Miguel Dias / Razão Automóvel

Mais artigos em Notícias