Recharge No modo Recharge está a reduzir a sua pegada ecológica.

Obrigado por guardar energia para o que mais importa.

Uma iniciativa
x

Recharge

Estamos a guardar energia para o que mais importa.

Portagens

Podemos ser multados por passar a mais de 60 km/h na Via Verde?

À entrada da via reservada à Via Verde está um sinal que limita a velocidade a 60 km/h. Mas podemos ser multados por lá passarmos mais depressa?

Estreada em 1991, a Via Verde foi um sistema pioneiro no mundo inteiro. Em 1995 estendeu-se a todo o território e tornou Portugal no primeiro país a possuir um sistema de pagamento de portagens nonstop.

Dada a sua antiguidade, seria de esperar que este sistema já não tivesse “segredos”. No entanto, há algo que continua a suscitar dúvidas a muitos condutores: podemos ser multados por passar a mais de 60 km/h na Via Verde?

Que o sistema é capaz de ler o identificador mesmo a velocidades elevadas já nós sabemos, mas existirão radares nas portagens?

VEJA TAMBÉM: Detetores de radares de velocidade. Legais ou ilegais?
Radar
Temidos por muitos condutores, será que há radares nas portagens?

Há radares?

Uma rápida visita à secção de “Apoio ao Cliente” do site da Via Verde dá-nos a resposta: “A Via Verde não tem radares instalados nas portagens, nem tem competência para exercer uma atividade de fiscalização do trânsito”.

A esta informação a Via Verde acrescenta ainda que “apenas as autoridades de viação e trânsito, nomeadamente a Brigada de Trânsito da GNR, têm competência legal de fiscalização e só estas autoridades têm e podem usar radares”.

Mas podemos ser multados?

Apesar de, como afirma a Via Verde, não existirem radares instalados nas portagens, tal não significa que caso se passe em excesso de velocidade na via reservada à Via Verde não se corra o risco de se ser multado.

Porquê? Simplesmente porque nada impede as autoridades de viação e trânsito de instalarem os nossos já bem conhecidos radares móveis naquelas vias. Caso tal aconteça, ao circularmos acima dos 60 km/h impostos seremos multados como em qualquer outra situação.

No fundo, a questão de se podemos passar a mais de 60 km/h na Via Verde é merecedora de uma resposta “eternizada” pelos Gato Fedorento: “pode-se, mas não se deve”.

Sabe responder a esta?
Qual foi o primeiro modelo a contar com um motor Diesel de injeção direta?
Não acertou..

Mas pode descobrir a resposta aqui::

Fiat. A marca que «inventou» os motores Diesel modernos

Mais artigos em Autopédia