Lançamento

Suzuki Swift foi “refrescado” e já sabemos quanto custa

O Suzuki Swift foi atualizado a vários níveis, destacando-se o motor 1.2 Dualjet mild-hybrid revisto, que promete menores consumos e emissões.

O Suzuki Swift, o mais leve — 865 kg (DIN) — e curto dos segmento B — 3845 mm de comprimento, cerca de 20 cm mais pequeno que a maioria dos utilitários — foi lançado em 2017, pelo que está naquele período ideal para receber umas bem vindas atualizações.

Por fora as diferenças são muito ligeiras, apenas destacando-se a grelha dianteira, com nova textura a preenchê-la, além de ter visto ser adicionada uma barra cromada horizontal, com os faróis dianteiros e óticas traseiras a serem LED de série em todas as versões.

Por dentro não há alterações, mas há reforço nos equipamentos, com o cruise control adaptativo e limitador de velocidade a ser de série em todas as versões, assim como os bancos aquecidos.

VÊ TAMBÉM: Suzuki Jimny está de regresso, mas como comercial
https://www.razaoautomovel.com/marca/suzuki/swift

K12D

Talvez a novidade mais importante seja a que encontramos por baixo do capô, onde o quatro cilindros em linha com 1,2 l naturalmente aspirado passa a ser a única opção na gama — o 1.0 Boosterjet desapareceu do catálogo.

O novo K12D (1197 cm3) sucede ao K12C (1242 cm3) e promete uma resposta superior com maior eficiência, logo menores consumos e emissões. Para o conseguir, o sistema de injeção foi revisto, assim como sistema de abertura variável das válvulas, a bomba de óleo e sistema de refrigeração.

Os 83 cv e 107 Nm anunciados são inferiores aos 90 cv e 120 Nm do antecessor, no entanto, o valor de binário máximo é agora atingido a umas bem mais baixas e agradáveis 2800 rpm ao invés das 4400 rpm do antecessor.

https://www.razaoautomovel.com/marca/suzuki/swift

Quando associado à caixa manual de cinco velocidades o refrescado Suzuki Swift anuncia 4,9 l/100 km e 111 g/km de CO2. Caso optem pela CVT (transmissão de variação contínua) as mesmas parcelas aumentam para 5,4 l/100 km e 121 g/km. Na versão de tração às quatro rodas, apenas com caixa manual de cinco velocidades, os consumos e emissões são de 5,5 l/100 km e 123 g/km.

VÊ TAMBÉM: Suzuki Swift Sport perde cavalos, passa a semi-híbrido. Culpem as emissões

Mild-hybrid para todos

O Suzuki Swift foi um dos primeiros modelos a chegar ao mercado com um sistema mild-hybrid, e agora está presente em todas as versões.

Tem 12 V e a novidade é a bateria de maior capacidade, que passa de 3 Ah a 10 Ah, potenciando a recuperação de energia.

https://www.razaoautomovel.com/marca/suzuki/swift

Preços

Versão Transmissão Emissões CO2 Preço
1.2 GLE 2WD Manual de 5 vel. 111 g/km 18 051 €
1.2 GLX 2WD Manual de 5 vel. 111 g/km 19 067 €
1.2 GLE 2WD CVT 121 g/km 19 482 €
1.2 GLX 2WD CVT 121 g/km 20 499 €
1.2 GLE 4WD Manual de 5 vel. 123 g/km 19 590 €

Em relação ao Swift Sport, foi o primeiro dos renovados Swift a chegar ao mercado, pelo que te deixamos a ligação para o artigo sobre o seu preço:

VÊ TAMBÉM: Os renovados Suzuki Ignis e Swift Sport já têm preços para Portugal

Mais artigos em Notícias