Comércio

Divisão de pesados Daimler não quer parar por causa do Covid-19. Porquê?

A rede de oficinas da Mercedes-Benz trucks, FUSO e Daimler Buses manterá as portas abertas enquanto for possível.

A divisão de veículos pesados da Daimler, da qual fazem parte as marcas Mercedes-Benz trucks, FUSO e Daimler Buses, está a tentar resistir à paralisação das suas oficinas devido à pandemia do novo Coronavírus (Covid-19).

São mais de 3000 oficinas espalhadas por toda a Europa, que agora tentam resistir “tanto quanto for possível” ao fecho temporário devido à pandemia.

A importância dos pesados

Martin Daum, CEO da Daimler Trucks, recordou através de comunicado a importância dos veículos pesados e dos autocarros em situações como as que vivemos agora.

Os nossos funcionários são fundamentais para garantir que nossa sociedade possa lidar com o estado atual de emergência, da melhor maneira possível, e, portanto, agradecemos-lhe fundo do coração”

Segundo a Daimler Trucks, no momento em que vivemos é fundamental manter autocarros e camiões na estrada, para não quebrar as cadeias logísticas. Uma tarefa mais difícil, na medida em que é preciso compatibilizar as operações das empresas com a contenção da pandemia.

A NÃO PERDER: Fuso eCanter: primeiro camião ligeiro 100% elétrico vai ser produzido em Portugal

A equipa da Razão Automóvel continuará online, 24 horas por dia, durante o surto de COVID-19. Segue as recomendações da Direção-Geral de Saúde, evita deslocações desnecessárias. Juntos vamos conseguir ultrapassar esta fase difícil.

Mais artigos em Notícias