Venda

“The last of the V8’s”. Interceptor do filme Mad Max está à venda

O "último dos V8", o Pursuit Special, ou simplesmente Interceptor, a máquina mais desejada da saga Mad Max, está agora disponível para venda.

Não se trata de uma réplica, mas sim do verdadeiro exemplar do Interceptor usado nos filmes Mad Max (1979) e Mad Max 2: The Road Warrior (1981), que o Museu Automóvel de Orlando (Orlando Auto Museum), na Flórida, nos EUA, colocou à venda.

Baseado no australiano Ford Falcon XB GT Coupe de 1973, foi transformado como carro de perseguição policial para o mundo apocalíptico onde vive o agente Max “Mad” Rockatansky  — e assim nasceu uma estrela… e não me refiro apenas ao Mel Gibson, o ator que desempenhou o papel de Max.

O Interceptor é atualmente propriedade do agente imobiliário Michael Dezer, e tem sido declarado que terá recusado no passado uma oferta de à volta dos dois milhões de dólares (1,82 milhões de euros) para o vender — um valor que deverá dar um ponto de referência de por quanto poderá ser agora vendido. O Museu Automóvel de Orlando não colocou um valor base.

VÊ TAMBÉM: QUERO! Hummer H1, o terror dos… track days?!

Os interessados no Interceptor não se resumem a potenciais colecionadores. Há pelo menos um museu australiano que demonstrou publicamente interesse em adquirir este símbolo da cultura popular australiana. Também uma publicação australiana anda a fazer lóbi junto do governo australiano para que o veículo regresse a solo australiano e fique em exposição permanente.

De acordo com o museu, o Interceptor traz por baixo do capot um motor V8 com 302 ci (polegadas cúbicas), o equivalente a 4948 cm3, mas se o carro permanece tal e qual foi usado durante as gravações dos filmes, o mais certo é ser o maior V8 de 351 ci ou 5752 cm3 (o maior motor que equipou o Ford Falcon XB).

O protuberante supercompressor da Weiand, infelizmente, não era funcional. Foi simplesmente aparafusado no topo do filtro de ar e para o filme, só o tinham de fazer girar e mexer-se quando em carga — magia do cinema no seu melhor…

VÊ TAMBÉM: Unicorn V3. Este Lamborghini Huracán não é igual aos outros…

Por onde andou o Interceptor?

Após os primeiros dois filmes, o poderoso Interceptor ficou ao abandono durante anos, até ter sido encontrado e adquirido por um fã dos filmes. Foi ele quem tratou do processo de restauro, e anos mais tarde, o Interceptor acabaria num museu no Reino Unido, o Cars Of The Stars. Todo o inventário do museu britânico seria adquirido mais tarde, em 2011, por Michael Dezer (como já referimos, o atual proprietário).

Interceptor, Mad Max, Ford Falcon XB GT

Foi Dezer também o responsável por abrir o Miami Auto Museum em 2012 (rebatizado mais recentemente de Orlando Auto Museum, devido à mudança da localização do museu para Orlando, Flórida), onde exibia a sua coleção automóvel. Para além do Interceptor, ele possui outros “carros-estrela-de-cinema”, como o “Batmobile” usados nos filmes realizados por Tim Burton.

Grande parte da coleção do museu está agora à venda, pelo que também vale a pena visitar o site, onde não faltam pontos de interesse.

Mad Max poster

Mais artigos em Notícias