Apresentação

Audi e-tron foi atualizado e ganhou autonomia. Como?

O e-tron Sportback trouxe atualizações à gama que incrementaram a autonomia do SUV elétrico. Essas atualizações chegam agora ao Audi e-tron.

Depois de há cerca de uma semana ter revelado o e-tron Sporback, a marca alemã atualizou também o e-tron regular que também viu a sua autonomia crescer relativamente ao e-tron que já conhecíamos. Assim, a autonomia passa a ser de 436 km, mais 25 km que anteriormente.

Seguindo a máxima de que “cada detalhe conta”, a Audi lançou mãos à obra e começou por mexer no sistema de travagem do e-tron. Tal como fez no e-tron Sportback, otimizou o sistema de travagem (através de molas mais fortes que atuam sobre as pastilhas) anulando a fricção quando estas não são requeridas.

Tal como acontece no e-tron Sportback, o motor dianteiro agora pode ficar praticamente desconectado e desligado da parte elétrica, só passou a estar maioritariamente desligado das rodas  “entrando em ação” apenas quando o condutor pressiona com maior decisão o acelerador.

VÊ TAMBÉM: Testámos o Audi e-tron em vídeo. O PRIMEIRO de muitos!
Audi e-tron

A gestão térmica também foi revista

Já ao nível das baterias, a Audi operou mudanças no que ao aproveitamento útil diz respeito. Assim dos 95 kWh de capacidade que a bateria do e-tron 55 quattro oferece, um total de 86,5 kWh são utilizáveis, mais do que anteriormente.

Ainda na procura por uma maior autonomia, os engenheiros da Audi operaram melhorias ao nível do sistema de gestão térmica das baterias. Uma redução da quantidade de líquido refrigerante permitiu poupar na energia usada pela bomba que o faz fluir pelo circuito. Já a bomba responsável por aquecer o habitáculo usa o calor proveniente da bateria para aumentar até 10% a autonomia.

VÊ TAMBÉM: Porque é que o Audi A1 Citycarver não se chama Allroad?
Audi e-tron

Quanto ao sistema de recuperação de energia (que contribui até 30% da autonomia total), esse funciona de duas formas: quando o condutor deixa de pressionar o acelerador e quando este pressiona o travão. No que diz respeito aos níveis de regeneração de energia, os engenheiros da Audi aumentaram as diferenças entre cada um deles.

VÊ TAMBÉM: Audi A4 faz 25 anos. Todas as gerações do Audi mais vendido de sempre
Audi e-tron

Outras novidades a caminho

Para além do aumento da autonomia, o Audi e-tron recebeu uma versão S line que traz um visual mais desportivo, jantes de 20” mais aerodinâmicas, um spoiler e um difusor traseiro, entre vários detalhes estéticos.

Por fim, a nova variante mais acessível, designada 50 quattro também viu a sua autonomia melhorar, passando a oferecer 336 km (antes era de 300 km), extraídos de uma bateria com 71 kWh de capacidade máxima (64,7 kWh de capacidade útil).

Sabes responder a esta?
Qual é a potência do Audi SQ2?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Testámos o Audi SQ2 (vídeo). Por 60 mil euros, era este que escolhias?

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos