Tecnologia

Painéis solares nos automóveis para carregar baterias? A Kia vai ter

A Kia vai introduzir painéis solares nos seus modelos. Estes vão ajudar a carregar as baterias dos modelos híbridos, elétricos e até de combustão interna.

O uso de painéis solares em carros elétricos para ajudar a carregar as baterias já não é novidade. No entanto a Kia, juntamente com a Hyundai, quis ir mais longe e também equipará os seus modelos de combustão interna com painéis solares por forma a aumentar a eficiência, reduzindo o consumo de combustível e emissões CO2.

A Kia torna-se, assim, a primeira marca a fazê-lo a nível mundial, com os painéis solares a serem incorporados no tejadilho e no capot, e estão divididos em três tipos.

O primeiro tipo ou geração (como a marca o define) destina-se a ser usado em veículos híbridos, o segundo recorre a um teto semi-transparente e vai ser usado nos modelos apenas com motores de combustão interna, por fim o terceiro consiste num tejadilho solar de peso reduzido e vai ser instalado em modelos 100% elétricos.

VÊ TAMBÉM: Kia Niro 1.6 GDI HEV: testámos o primeiro híbrido da Kia
Painel Solar Kia

Como funcionam?

O sistema usado nos modelos híbridos consiste numa estrutura de painéis solares em silicone, integrados num tejadilho convencional, tendo capacidade para carregar entre 30% e 60% da bateria ao longo do dia. A solução usada nos modelos de combustão interna vai carregar a bateria que estes usam e está integrada num convencional teto panorâmico.

Já a terceira geração, destinada a carros elétricos, ainda está em período de testes. Esta foi concebida para ser instalada não só no tejadilho mas também no capot dos modelos e pretende maximizar o rendimento energético.

Painel Solar Kia

O sistema é composto por um painel solar, um controlador e uma bateria. Um painel de 100 W de capacidade pode produzir até 100 Wh em condições ideais, já o controlador conta com os serviços de um sistema denominado Maximum Power Point Tracking (MPPT) que controla a voltagem e a corrente melhorando a eficiência da eletricidade gerada pelo painel.

Finalmente, essa energia ou é convertida e acumulada na bateria ou então é usada para reduzir a carga do gerador de corrente alternada (AC) do carro, aumentando a eficiência do conjunto.

A primeira geração desta tecnologia tem chegada prevista aos modelos da Kia a partir de 2019, no entanto ainda não são conhecidos quais os modelos que vão beneficiar destes painéis.

Sabes responder a esta?
Qual é a autonomia do Kia e-Niro?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Kia e-Niro chega no final do ano com 485 km de autonomia

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos