Elétricos

Mercedes-Benz EQC. SUV elétrico enfrentou o deserto antes da chegada à Suécia

A apenas algumas semanas da apresentação oficial, o Mercedes EQC divulga o último e final teste da fase de desenvolvimento: o enfrentar do seco deserto.

Primeiro crossover 100% elétrico da marca da estrela, cuja apresentação oficial e mundial está agendada para o próximo dia 4 de setembro, em Estocolmo, na Suécia, o Mercedes-Benz EQC termina assim a sua fase de desenvolvimento, celebrada com um vídeo daquele que foi o último e final obstáculo a superar: o deserto.

No entanto e também inovadora, foi a escolha do “deserto” escolhido — Tabernas, na espanhola Andaluzia. Um dos mais secos locais na Europa, onde várias unidades de desenvolvimento EQC foram sujeitas às mais altas temperaturas.

Culminando uma fase de testes que já dura há mais de três anos, ao longo dos quais uma equipa de cerca de 40 engenheiros acumulou milhões de quilómetros nas mais diferentes situações e condições, o crossover 100% elétrico parece agora pronto para a apresentação. Ainda que o lançamento no mercado só deva acontecer no próximo ano.

Dois motores, a oferecerem mais de 400 cv

Segundo informações já divulgadas, o Mercedes-Benz EQC enverga um pacote de baterias a anunciar uma capacidade de 70 kWh, a que se somam depois dois propulsores elétricos, colocados em ambos os eixos, a garantirem uma potência de 300 kW (cerca de 408 cv) às quatro rodas.

Finalmente e ainda de acordo com dados já avançados, o crossover elétrico da Mercedes deverá ser capaz de acelerar dos 0 aos 100 km/h em menos de cinco segundos, ao mesmo tempo que deverá garantir autonomias na ordem dos 250 km, com uma só carga. Podendo depois ser recarregado através de postos rápidos, com potências até 115 kW.

Subscreve o nosso canal de Youtube.

Sabes responder a esta?
Qual a potência anunciada pelo V8 do McLaren Senna?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Alguns McLaren Senna têm três escapes e outros dois. Porquê?

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos