Histórias

O Mazda MX-5 nasceu mais tarde por causa desta «coisa»

O Mazda MX-5 tem sido um dos modelos de maior sucesso da marca. Mas na década de 80 a marca nipónica achou que era arriscado lançar um roadster…

Hoje é fácil apostar no Mazda MX-5. É o roadster mais vendido do mundo e um dos melhores (se não mesmo o melhor…) desportivo disponível em Portugal por menos de 30 000 euros. Mas o MX-5 nem sempre foi uma aposta segura.

Apesar da imensa vontade de Kenichi Yamamoto, à época CEO da Mazda, e de Bob Hall, ex-jornalista e responsável de produto da marca, a produção do Mazda MX-5 foi constantemente adiada — conhece a sua história completa. A Mazda era uma companhia pequena, com recursos muito limitados, e qualquer lançamento falhado podia ditar o fim da marca. Recorde-se que no final da década de 80 os roadster estavam em desuso.

Perante este cenário, a aposta mais segura era um monovolume ou MPV — um formato cada vez mais popular. Foi por isso que a administração da Mazda decidiu lançar o Mazda MPV primeiro do que o Mazda MX-5.

Os nossos recursos eram tão limitados que só podíamos desenvolver um modelo de cada vez. Além disso, os monovolumes tinham uma grande procura nos EUA e no Japão, os dois mercados mais importantes para a Mazda.

Bob Hall em declarações à Road&Track

Naturalmente, ninguém imaginava o sucesso que o Mazda MX-5 ia ter. Volvidos quase 30 anos desde o seu aparecimento, a receita imaginada por Bob Hall continua tão válida como no primeiro dia: leveza, agilidade, equilíbrio e diversão.

Tudo em doses muito superiores ao seu diminuto tamanho.

Mazda MPV
Mazda MPV MK1. Foi graças a esta coisa que tivemos de esperar pelo MX-5 até 1989.

Não era suposto o Mazda MX-5 NA ter vendido tanto quanto vendeu. Foi uma surpresa não só para Mazda, mas também para todas as marcas da indústria automóvel. A aposta arriscadíssima de Kenichi Yamamoto venceu e o risco compensou.

Subscreve o nosso canal de Youtube.

A NÃO PERDER: O primeiro Mazda MX-5 é assim tão bom?

Sabes responder a esta?
Qual é a última geração do Mazda MX-5?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Ao volante do Mazda MX-5 (ND): mais do que um regresso às origens

Mais artigos em Clássicos

Os mais vistos