Desde 28 680 euros

Opel Insignia Grand Sport 1.5 Turbo Innovation. Mais por menos?

Há opcionais em que determinados modelos são quase "dispensáveis". Reforcei esta crença (que tem as suas excepções) depois de conduzir o Opel Insignia Grand Sport 1.5 Turbo Innovation. Uma versão que merece todos os elogios.

Surpreendido pela positiva. Cerca de uma semana antes de testar o Opel Insignia Grand Sport 1.5 Turbo Innovation (nas imagens), testei outra versão deste modelo numa configuração que custava quase 60 000 euros.

Essa versão, além de estar equipada com uma suspensão adaptativa e umas vistosas jantes de 20 polegadas, contava com o motor 2.0 Turbo D com 170 cv — entre outros extras que para o efeito não vale a pena detalhar (o artigo está aqui).

Foi o primeiro Opel Insignia que testei, mas não fiquei totalmente convencido pelo motor 2.0 Turbo D nem pelo acerto da suspensão (hoje sei que a culpa não era das suspensões mas das lindíssimas jantes e pneus de baixo perfil). Cheguei ao final do ensaio com a sensação que a Opel podia ter feito melhor. Depois testei esta versão 1.5 Turbo… e foi aí que tudo mudou.

Opel Insignia Grand Sport 2017
As linhas do Opel Insignia Grand Sport foram inspiradas nos concept Monza.

Menos é mais?

Sem querer fazer deste texto um comparativo, este Opel Insignia 1.5 Turbo custa praticamente metade do preço do Insignia 2.0 Turbo D que testei e agradou-me em dobro.

Esta motorização 1.5 Turbo a gasolina é senhora de uma suavidade e disponibilidade assinalável — do melhor que já testei neste segmento. Não transmite nenhuma vibração ao habitáculo e é muito silenciosa. Além disso oferece uma performance mais que suficiente sem penalizar excessivamente os consumos. Consegui médias de 7,2 l/100 km em ritmos moderados. Claro que se quisermos explorar os 165 cv de potência com convicção, o computador de bordo entra na casa dos 9 l/100 km. Não há almoços grátis…

Opel Insignia Grand Sport 2017
As jantes de 18 polegadas que equipavam esta unidade são opcionais (600€). De série contamos com jantes de 17 polegadas.

A caixa de seis velocidades manual também merece uma nota positiva. É suave e bem escalonada casando de forma exemplar com os propósitos familiares deste modelo.

Adeus chassis adaptativo. E agora?

Agora ficamos com um chassis que apresenta reações benignas em condução mais aplicada, e oferece em simultâneo um conforto de rolamento assinalável. O melhor elogio que posso fazer ao trabalho desenvolvido pelos engenheiros da Opel é que não senti saudades do chassis adaptativo das versões mais equipadas, vulgo FlexRide.

Leve, reactivo e seguro. Três adjetivos que posso aplicar sem receio ao Opel Insignia Grand Sport.

Face à geração anterior, o chassis do Opel Insgnia está mais leve e mais rígido — internamente, dão-lhe o nome de Epsilon2.

Opel Insignia Grand Sport 2017
A generosa distância entre eixo (2829 mm) dá ao Insignia uma ótima estabilidade em troços rápidos sem comprometer o comportamento em estradas mais sinuosas.

Convém não esquecer o propósito deste Opel Insignia Grand Sport 1.5 Turbo Innovation: ser um automóvel de cariz familiar. Missão cumprida! Competente enquanto carro familiar, satisfatório quando procuramos algo mais. No meio disto, sempre confortável. Contrapondo os argumentos do Opel Insignia Grand Sport a modelos como o Volkswagen Passat ou Renault Talisman, não fica a dever a nenhum dos dois.

Faz swipe na galeria de imagens do exterior:

Bem-vindos a bordo do Opel Insignia Grand Sport

Bons materiais e boa apresentação. A lista de equipamento de série é muito completa (vê a ficha de produto), mas se quiseres uma experiência mais envolvente recomendo o Pack Innovation Plus (2000 euros) que equipava esta unidade e que adiciona ao equipamento disponível os seguintes itens: bancos em couro com aquecimento, head-up display, ajuda ao estacionamento e reconhecimento dos sinais de trânsito.Vale a pena.

Opel Insignia Grand Sport 2017
Imagem geral do Interior do Opel Insignia Grand Sport. Esta unidade estava equipada com o Pack OPC Interior (500 euros).

Em termos tecnológicos não faltam argumentos ao Opel Insignia Grand Sport. O sistema Opel Eye é de série e oferece tecnologias muito úteis à condução (aviso de desvio de trajetória com correção; deteção frontal de pessoas; Indicador de distância e perigo de colisão; e travagem automática de emergência), sem esquecer o painel de instrumentos TFT de 8″. Já que o assunto é equipamento, deixem-me referir também a nova geração de faróis de matriz de LED IntelliLux LED com 32 elementos que dá ao Insignia uma capacidade de iluminação acima da média.

Faz swipe na galeria de imagens do interior:

No centro da consola — que está mais arrumada e simples de utilizar que na versão anterior — encontramos o sistema de infotainment 900 IntelliLink. Volto a repetir aquilo que já disse sobre este sistema aquando do teste à versão 2.0 Turbo D no YouTube: é muito completo mas o grafismo deixa a desejar. Temos hotspot wi-fi, Opel OnStar (assistente pessoal), GPS, Android Auto e Apple CarPlay. Um conjunto de tecnologias que merecia uma apresentação mais inspirada.

De resto, não falta espaço nem à frente nem atrás. E se o fim de semana for em família, podem dar-se ao luxo de levar aquilo que quiserem porque os 490 litros de capacidade da mala dão para quase tudo.

Preço

unidade ensaiada

38.330

Versão base: €28.730

Classificação Euro NCAP: 5 / 5

  • Motor
    • Arquitectura: 4 Cil. em linha
    • Capacidade: 1490
    • Posição: Transversal
    • Carregamento: Turbo+intercooler+inj.dir
    • Distribuição: 2 a.a.c / 16 V
    • Potência: 165 cv / 121 Kw (entre as 2 000 e as 4 500)
    • Binário: 250 Nm
  • Transmissão
    • Tracção: Dianteira
    • Caixa de velocidades: Seis velocidades
  • Capacidade e dimensões
    • Comprimento / Largura / Altura: 4897 / 1863 / 1455
    • Distância entre os eixos: 2829
    • Bagageira: 490
    • Peso: 1440 kg
  • Consumo e Performances
    • Consumo médio: 6 l/100 km
    • Emissões de CO2: 136 gr/km
    • Vel. máxima: 222 km/h
    • Aceleração: 8,9 segundos
  • Equipamento
    • Controlo electrónico de estabilidade (ESP)
    • 7 colunas premium De série para Rádio NAVI 900 IntelliLink
    • Connectividade Internet De série para OnStar
    • Entrada USB dupla na traseira / Entrada USB na frente
    • Mostrador gráfico a cores 8" (Painel Instrumentos)
    • OnStar
    • Programador de velocidade (Cruise Control)
    • Rádio NAVI 900 IntelliLink
    • Farois LED Matrix / Farois Traseiros em LED (máximos automáticos)
    • Fecho central sem chave
    • Vidros elétricos F/T
    • Aviso de desvio de tranjetória com correção
    • Camara de estacionamento traseira
    • Deteção frontal de pessoas
    • Sensor alerta de colisão com travagem automática
    • Vidros traseiros escurecidos
    • Ar condicionado de comando electrónico bizona
    • Sensor de humidade De série para Ar condicionado de comando electrónico bizona
    • Airbags frontais, laterais e de cortina para o condutor e passageiro
    • Capô Ativo, Proteção de Pedestres
    • Jantes Liga leve 7,5J x 17 Cinza Escuro
Extras
PACK INNOVATION PLUS — Ajuda ao estacionamento avançada "Park & Go" Light; Head-up display; Sensor reconhecimento de sinais de transito (2000 €); PACK LINHA OPC INTERIOR — Comandos do rádio no volante; Forro do tejadilho escurecido; Pedais em alumínio desportivos; Volante aquecido; Volante desportivo em couro (500 €); JANTES 18 POLEGADAS (600€); Pintura premium (800€)
Avaliação
8 / 10
O motor é suave e não é demasiado gastador. O chassis é competente sem ser desconfortável. O equipamento é correto e o preço não assusta. Quem é que precisa do motor 2.0 Turbo D?
  • Suavidade do motor;
  • Lista de equipamento;
  • Conforto de rolamento.
  • Grafismo do sistema de infotainment;
  • Condução podia ser mais envolvente.
Sabes responder a esta?
Qual é a potência do Insignia 2.0 Turbo D que testámos no YouTube?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Ao volante do Opel Insignia Grand Sport 2.0 Turbo D

Mais artigos em Testes, Ensaio

Os mais vistos