A fundo!

Jaguar XE SV Project 8. Testei a berlina mais rápida do mundo

Chegar ao final da reta do circuito de Portimão a mais de 260 km/h e travar nos escassos metros de asfalto que ainda sobravam antes da curva, foi das experiências mais intensas que já vivi ao volante de um carro. O seu nome: Jaguar XE SV Project 8.

Em Portimão, Portugal

Este fim de semana vai haver um festival de potência no nosso canal de YouTube — não te esqueças de subscrever. Tive o privilégio — sim, privilégio é mesmo a palavra certa — de ser convidado pela Jaguar para testar o mais radical, o mais potente, o mais rápido e o mais exclusivo desportivo de produção da história da marca inglesa: o Jaguar XE SV Project 8.

Nenhum dos adjetivos que usei são em vão, como vais poder comprovar no vídeo que vamos publicar no domingo. O Jaguar XE SV Project 8 é tudo isto e muito mais…

Double trouble

À minha espera no Algarve estavam dois protótipos de testes da Jaguar (responsabilidade acrescida!), um protótipo para testar no tortuoso e exigente traçado do Circuito de Portimão e outro para testar em estradas públicas.

A Jaguar queria que eu sentisse como é que um carro desenvolvido para brilhar em pista se comportava numa estrada normal e vice-versa.

Jaguar XE SV Project 8
O Project 8 que testámos em circuito.

Impressionante… simplesmente impressionante!

Tudo sensações que eu vou contar-te ao detalhe já este domingo no nosso Canal de YouTube e aqui. Mas para já, vamos aos detalhes técnicos.

Jaguar XE SV Project 8
O Project 8 que testámos em estrada.

A berlina mais rápida do mundo

Os dois protótipos que conduzi são em tudo iguais à unidade Jaguar XE SV Project 8 que bateu o recorde do Nürburgring Nordschleife no ano passado, na categoria de berlinas de quatro portas de produção em série.

O Jaguar XE SV Project 8 «arrasou» o cronómetro com um tempo verdadeiramente balístico: demorou apenas 7min21s a cumprir uma volta ao «inferno verde».

Jaguar XE SV Project 8
Em termos comparativos, foi 11 segundos mais rápido que o Alfa Romeo Giula Quadrifoglio (anterior detentor do recorde) e 7 segundos mais rápido que o BMW M4 GTS.

Como é que o Jaguar XE SV Project conseguiu este tempo «canhão»? Em primeiro lugar, com a importante ajuda de um motor 5.0 litros V8, equipado com um compresso volumétrico, capaz de desenvolver 600 cv de potência e 700 Nm de binário máximo.

Graças à adopção de um sistema de tração integral e a uma caixa de velocidades de oito relações, o mais «assanhado» Jaguar de produção em série da história cumpre os 0-100 km/h em apenas 3,7s e supera os 320 km/h de velocidade máxima.

Jaguar XE SV Project 8
Se olharem com atenção conseguem ver escrito no para-choques “prototype vehicle”.

Para aguentar toda esta potência o chassis, suspensões e demais elementos mecânicos foram amplamente revistos. Sobrou muito pouco do XE «normal»…

Tudo do «bom e do melhor»

No total, 80% dos componentes do Jaguar XE foram redesenhados ou totalmente substituídos face às versões «normais». Travões, suspensões, motor, chassis… enfim, T-U-D-O!

O Project 8 é um excelente exemplo do que acontece quando a projetistas, engenheiros e construtores especializados empenhados é dada a oportunidade de criar um veículo desportivo com um desempenho extremo.

John Edwards, Jaguar Land Rover Special Operations Managing Director

Sendo o desportivo de produção mais extremo da história marca — palavras do responsável de desenvolvimento —  o Project 8 conta com várias modificações ao nível da plataforma.

A rigidez estrutural foi aumentada e 75% dos painéis exteriores são novos, incluindo: para-choques em fibra de carbono com entradas de ar melhoradas, capot em fibra de carbono com entradas de ar, cavas das rodas alargadas para acomodar as jantes de alumínio forjado de 20 polegadas, fundo da carroçaria plano, para-choques traseiro em fibra de carbono com repartidor integrado, e asa traseira aerodinâmica ajustável.

Jaguar XE SV Project 8
Super travões que não se cansam. E eu abusei tanto…

O Project 8 oferece 122 kg de downforce a 300 km/h. Acredita, faz toda a diferença. Quando entras na reta do Circuito de Portimão a fundo com toda estrutura a esmagar a borracha contra o asfalto.

Para garantir o máximo desempenho, o Project 8 aperfeiçoou a suspensão dianteira de braço duplo e a suspensão traseira de ligação integral do XE, melhorou as molas helicoidais duplas (ajustáveis em altura diminuindo em 15 mm a distância ao solo) e as juntas esféricas desportivas. As molas são fornecidas pela Eibach e as suspensões são da Bilstein. Enfim, do melhor que se faz na indústria.

Jaguar XE SV Project 8
Nascido para as pistas, autorizado para circular nas estradas.

Além das suspensões, os travões também «pata negra». O Jaguar XE SV Project 8 estreia um novo sistema de travagem de disco de carbono/cerâmica com 400 mm (na dianteira) mordidos por pinças deslizantes de seis pistões com rolamentos de cerâmica de nitrato de sílica — tecnologia oriunda da Fórmula 1 e agora aplicados pela primeira vez num desportivo de produção — juntamente com um Electronic Active Differential (EAD) traseiro com arrefecedor de óleo — uma estreia no XE.

Maltratei tanto quanto consegui a transmissão do Project 8 na expectativa de ser brindado com um «safe mode» mas nada… é à prova de track-day!

Versão Track Pack ainda mais radical

Para utilização em circuito, a opção Track Pack poupa 12,2 kg ao substituir os assentos dianteiros em magnésio pelos assentos de corrida em fibra de carbono. Os cintos de segurança de competição de quatro pontos de fixação conferem uma segurança extra juntamente com o sistema de extinção de incêndios.

Jaguar XE SV Project 8
Balístico. Em circuito e não só…

É sem sombra de dúvida a berlina de quatro portas mais radical do mundo. Para que modelo é que a Jaguar olhou na hora de afinar o Project 8? Porsche 911 GT3. Nota-se quando atacamos as curvas. Mas vamos deixar as sensações ao volante para domingo…

Track mode exclusivo
O modo Track configura os controlos de condução e de estabilidade para circuito, otimizando o binário, a velocidade da caixa de velocidades, a resposta de direção e programando os amortecedores para uma configuração mais agressiva.

O Project 8 encontra-se disponível em oito cores, três delas bastante apelativas: Fuji White, Narvik Black e Caldera Red, mais cinco opções SV Design com cores e acabamentos da SV Premium Palette: Valencia Orange, Velocity Blue, Meribel White, Verbier Silver e Corris Grey. Os Project 8 equipados com o Track Pack distinguem-se pelo tejadilho em Gloss Black e pelas faixas duplas exteriores.

O lema do alto rendimento continua no interior, com a subtil utilização de fibra de carbono brilhante e Alcantara no volante desportivo do Project 8 Sports, painel de instrumentos e interior das portas.

Jaguar XE SV Project 8
Este domingo no canal de YouTube da Razão Automóvel.

O Project 8 tem um preço de venda a partir de 232 400 euros em Portugal e é a segunda Edição de Colecionador Jaguar da Special Vehicles, depois do F-TYPE Project 7 de 2014. Disponível para entrega já este verão.

Todos os modelos Project 8 serão montados à mão e apenas com volante à esquerda.

Mais artigos em Testes

Os mais vistos