Insólito

Este é o único Peugeot 205 GTI blindado do mundo, e está à venda

Limousines blindadas, acreditamos que já tenhas ouvido falar. Mas um Peugeot 205 GTI totalmente blindado? Conhece a história por detrás deste peculiar modelo.

A história conta-se em não muitas palavras: pouco dado a exibicionismos ou ostentações, o milionário francês Bernard Arnault, dono do maior grupo de venda de artigos de luxo no mundo (LVMH), decidiu adquirir, em 1990, um carro perfeitamente vulgar, no qual poderia facilmente passar despercebido — um Peugeot 205 GTI.

No entanto e devido ao seu estatuto, Arnault não se limitou a comprar o 205 GTI; assim que o adquiriu, mandou a empresa Labbé blindá-lo, de forma a que cumprisse o Nível 2 de classificação para este tipo de viaturas. Ou seja, que passasse a ser capaz de passar incólume por tiroteios e ataques armados.

Devido ao acréscimo de peso que a “armadura” trouxe — são quase 1400 kg contra os 875 kg oficiais do original —, necessitou de reforços um pouco por todo o lado, onde se inclui, naturalmente, a suspensão e travões. No entanto, tudo aponta para que o 1.9 de 130 cv não tenha sofrido qualquer alteração.

Peugeot 205 GTI Blindado 2018
Visto por fora, ninguém diria que está apto para passar por uma zona de guerra!…
RELACIONADO: Do Peugeot 205T16 ao 3008 DKR. A história (quase) completa

Exterior incólume, interior mais luxuoso

No restante, poucas alterações, com o 205 a manter o mesmo aspeto exterior, apesar da carroçaria blindada e vidros à prova de bala, ao mesmo tempo que, no interior do habitáculo, é possível encontrar opcionais como o ar condicionado ou até mesmo a direcção assistida. Dois componentes que não faziam parte do equipamento de série do modelo original.

Já no domínio do conforto, bancos e painéis das portas em pele, assim como carpetes de uma cor vermelha, em claro contraste com o preto do restante habitáculo, fizeram também parte das escolhas de Arnault.

Peugeot 205 GTI Blindado 2018
Discreto por fora, o Peugeot 205 GTI de Bernard Arnault não deixa de revelar algum luxo no interior

Ainda em nome do primeiro dono

Atualmente com 14 700 quilómetros, este Peugeot 205 GTI foi conduzido pelo empresário durante vários anos, até que, em 2009, passou para as mãos de um colecionador privado, que, no entanto, manteve o carro no nome do milionário. O carro encontra-se agora à venda, através da empresa Art&Revs, pelo preço base de 37 500 euros.

Peugeot 205 GTI Blindado 2018
Num carro blindado, vidros à prova de bala não poderiam faltar

É certo que, com este valor, é possível comprar, não uma, mas várias unidades do género, no mercado de segunda mão. Muitas delas, inclusive, num estado de conservação tão bom quanto este 205 GTI. Porém, também é verdade que, por muito boas que estejam, nenhuma conseguirá ser tão exclusiva ou única, quanto o Peugeot 205 GTI à prova de bala de Bernard Arnault…

Sabes responder a esta?
Qual o nome de código do futuro BMW Série 1?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Futuro BMW Série 1 sem rival para os A45 e RS3? Parece que sim

Mais artigos em Notícias