Video

Mercedes-Benz. Porque deves escolher sempre travões originais.

À procura de poupar uns trocos na compra de discos ou pastilhas? A Mercedes-Benz revela em video aquilo que perdes quando optas por travões contrafeitos.

Em qualquer automóvel, onde nunca devemos poupar é nas ligações ao solo, nomeadamente pneus, suspensão e, claro, travões. São a primeira linha de defesa para a nossa segurança e dos outros automobilistas na estrada.

Fiel à sua constante aposta na segurança, a Mercedes-Benz divulgou um pequeno filme demonstrando precisamente o valor das suas peças originais relativamente às contrafeitas —à primeira vista semelhantes às originais, mais baratas, mas com um desempenho claramente inferior.

Mais barato fica mais caro

No filme podemos ver dois Mercedes-Benz CLA, um equipado com os discos e pastilhas da marca e outro com discos e pastilhas contrafeitos. E torna-se evidente, nos testes realizados, que apesar dos travões contrafeitos serem visualmente idênticos aos originais, tornam-se uma ameaça para a nossa segurança e dos outros quando realmente precisamos de toda a capacidade do sistema de travagem. 

É um caso claro onde a poupança financeira na aquisição do material pode sair cara, ao não conseguirmos parar a tempo de evitar o obstáculo à frente.

Tem de ser sempre peças originais?

Naturalmente, a Mercedes-Benz irá promover sempre a compra das suas peças originais, mas não tem de ser obrigatoriamente assim. Apesar do video tentar dissuadir-nos de equipar o nosso carro com componentes de outros fabricantes, sabemos que o mercado disponibiliza componentes de qualidade equivalente ou superior aos equipamentos originais dos construtores — e, no geral, mais em conta.

Como em tudo, convém realizarmos uma escolha informada — são componentes essenciais para a segurança do automóvel — às vezes, a poucos clicks de distância.

Sabes responder a esta?
O Mercedes-Benz 190E foi apresentado em que ano?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Mercedes-Benz 190 (W201), antecessor do Classe C, celebra 35 anos

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos