Produção arranca em 2021

E se o louro Saab 9-3 se transformasse no moreno turco?

A Turquia continua apostada em ter uma marca automóvel própria. Cujo primeiro carro deverá ser, aliás, um elétrico, baseado no já defunto Saab 9-3.

Fãs incondicionais do Saab 9-3, preparai-vos! A outrora famosa berlina sueca, que a falência da marca sueca fez desaparecer, pode estar prestes a regressar à vida, ainda que fortemente transformado — já não sueco, mas turco, e já não com motor de combustão, mas, muito provavelmente, elétrico! Basicamente, como ponto de partida para o futuro modelo de estreia da marca automóvel que o estado turco continua determinado a criar.

Saab 9-3

Depois de, há cerca de dois anos, ter comprado as licenças de produção do 9-3 ao então proprietário, a National Electric Vehicle Sweden, a Turquia continua determinada em avançar com aquela que será a sua primeira marca automóvel nacional. Por detrás destes planos está um consórcio de empresas turcas, entre as quais a Anadolu Group, Kıraca Holding, BMC, Turkcell e Zorlu Holding, todos elas já envolvidas no fabrico de automóveis, embora para outras marcas.

O primeiro protótipo poderá estar pronto já em 2019, iniciando a produção da versão final do modelo dois anos depois, em 2021.

Saab 9-3 elétrico e com extensor de autonomia

Ainda quanto ao carro propriamente dito e apesar da idade que já leva o modelo que lhe vai servir de base, as notícias apontam de que venha a ser uma berlina elétrica, com extensor de autonomia. Algo, de resto, já reafirmado pelo ministro da Ciência, Indústria e Tecnologia da Turquia, quando, há cerca de um ano, garantiu publicamente declarações nesse sentido. A bateria de 15 kWh garante uma autonomia em modo exclusivamente elétrico na ordem dos 100 quilómetros.

Recorde-se que a ideia da Turquia de vir a lançar uma marca automóvel própria e nacional, já tem algum tempo. Tendo começado a crescer a partir de 2000, altura em que várias marcas automóveis decidiram instalar fábricas no país. Acabando mesmo por levar o governo turco a apostar na compra, em 2015, dos direitos de fabrico do então já desaparecido Saab 9-3.

Sabes responder a esta?
Quantos Leaf II conseguiu a Nissan vender só no primeiro mês de comercialização?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Nissan Leaf II. Vende-se que nem pãezinhos quentes

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos

Pub