Salão de Frankfurt

Estas são as novidades mundiais da Opel para o Salão de Frankfurt

A Opel revelará no próximo Salão de Frankfurt três novidades mundiais. A mais importante é sem dúvida o Grandland X, o seu novo SUV.

Para a Opel, 2017 deverá ser um ano inesquecível, ou pelo menos, um dos mais importantes de sempre nos seus 155 anos de existência. Após estar praticamente nove décadas integrada na General Motors, este ano a marca alemã passou a fazer parte do grupo francês PSA, ganhando como companheiras a Peugeot, a CItroën e a DS.

De que forma esta integração no Grupo PSA afectará o rumo da marca? Saberemos daqui a poucos meses. Mas os seus efeitos já são visíveis. A marca decidiu retocar a sua identidade, apresentando um novo logótipo e assinatura, mas mais importante ainda, já temos novos modelos com tecnologia oriunda do grupo francês.

RELACIONADO Salão de Frankfurt 2017. O guia completo

Já mesmo antes da aquisição da Opel pela PSA, havia um acordo efetuado poucos anos antes, que levou ao desenvolvimento de três novos modelos, baseados em hardware PSA. Já conhecemos dois, um dos quais já em comercialização em Portugal: o Crossland X.

Um modelo vital para um dos segmentos que mais cresce

O segundo modelo com «hardware» PSA terá apresentação pública precisamente no Salão de Frankfurt 2017 e será o destaque no stand da Opel. Trata-se do terceiro elemento da família de crossover/SUV da marca, o Grandland X.

O Grandland X vem preencher uma lacuna de longa data no portefólio da Opel, atacando um dos segmentos que mais cresce no mercado – os SUV para o segmento C. Partilha com o Peugeot 3008 a plataforma e as motorizações, e chega ao mercado, para já, com duas motorizações. Um motor a gasolina 1.2 Turbo com 130 cv e um motor a gasóleo 1.6 com 120 cv. A sua chegada ao mercado nacional acontecerá em novembro.

Opel Insignia ganha mais versões

As restantes novidades referem-se ao Insignia, o atual topo de gama da Opel. Em Frankfurt vamos conhecer duas variantes distintas do modelo. Por um lado, conheceremos o seu lado mais dinâmico – Insignia GSi -, e por outro o seu lado mais versátil, com a apresentação da Insignia Country Tourer.

O Opel Insignia GSi vem equipado com um bloco de 2.0 litros turbo com cerca de 260 cv e conhecerá futuramente uma versão Diesel. Segundo a marca, o novo Insignia GSi, apesar do défice de cavalos, consegue superar o antecessor OPC no circuito alemão de Nürburgring, graças a um peso inferior e um centro de gravidade mais baixo.

Quanto ao Insignia Country Tourer, trata-se da versão mais aventureira da carrinha da gama. Apresenta maior altura ao solo (20 mm), proteções em plástico inferiores tanto à frente como atrás, molduras nos arcos das rodas e proteções nas embaladeiras. Ambos – GSi e Country Tourer – têm em comum a tração integral com vetorização de binário.

Frankfurt também acolherá a estreia pública do novo programa de personalização da marca, denominado Opel Exclusive criado para o Insignia. Também o Vívaro, o furgão da Opel, verá adicionada à sua gama versões mais luxuosas, denominadas Tourer.

A apresentação de todas estas novidades será efetuada pelo novo CEO da Opel, Michael Lohscheller, na conferência de imprensa que a marca realizará no seu stand do salão no dia 12 de setembro, que será transmitida em direto via internet.

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos