Trânsito

Lisboa. Motas vão poder circular na faixa do BUS em (quase) toda a cidade

Os motociclos vão poder circular legalmente na maioria das faixas destinadas aos transportes públicos na capital.

A circulação dos motociclos nas faixas de transportes públicos já era uma realidade em três artérias da cidade de Lisboa – Avenida Calouste Gulbenkian, Avenida de Berna e Rua Braamcamp – como resultado de um projeto-piloto em março do ano passado.

Agora, foi aprovada a expansão do projeto BUS&MOTO, que vai permitir aos motociclistas circularem na maioria dos corredores BUS da capital, ao exemplo do que já acontece, por exemplo, na cidade do Porto. A decisão do executivo municipal, tomada na passada quarta-feira, foi anunciada na página de Facebook da Câmara Municipal de Lisboa (CML).

motas
VEJAM TAMBÉM Os motores Diesel vão mesmo acabar? Olhe que não, olhe que não…

Além desta medida, vão ser criados mais 1450 lugares de estacionamento para motociclos nas freguesias de Arroios, Avenidas Novas, Santo António, Penha de França, Santa Maria Maior, São Vicente, Campo Ourique e Campolide.

A cidade de Lisboa passará assim a disponibilizar um total de 4000 lugares exclusivamente destinados aos veículos de duas rodas. De acordo com o presidente da CML, Fernando Medina, a 2ª fase do projeto irá estender os lugares de estacionamento a Alvalade, Areeiro, Arroios, Beato, Belém, Carnide, Estrela, Lumiar, Marvila, Parque das Nações,Santa Clara e S.D. Benfica.

És a favor ou contra a circulação de motas na faixa do BUS? Dá-nos a tua opinião na nossa página de Facebook.

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos