DS 7 Crossback: «alta costura» em Genebra

O novo DS 7 Crossback é mais do que um visual vanguardista. O novo «porta-estandarte» da marca francesa estreia novas tecnologias e uma motorização híbrida com 300 cv de potência.

O DS 7 Crossback é a primeira incursão da marca francesa no segmento dos SUV’s, o que diz muito sobre a importância deste novo modelo para a marca.

Por fora, um dos destaques é sem dúvida a nova assinatura luminosa, a que a marca francesa apelidou de Active LED Vision. Esta assinatura é composta por luzes diurnas, indicadores progressivos de mudança de direção e, na traseira, um tratamento tridimensional em forma de escamas, como se pode ver nas imagens.

DS 7 Crossback

No interior, o DS 7 Crossback La Première estreia um par de ecrãs de 12 polegadas, que concentram em si as funcionalidades de navegação, multimédia e conectividade, entre outras. Além disso, este modelo traz ainda um conjunto de equipamentos Connected Pilot, Night Vision e Active Scan Suspension, disponíveis em todas as versões da gama.

Motor híbrido com 300 cv e tração integral

O leque de motorizações – para esta primeira edição – é composto pelos dois motores mais potentes da gama, os blocos Blue HDi com 180 cv e THP com 225 cv, ambos associados à nova caixa automática de oito velocidades. Posteriormente, vãos estar também disponíveis os blocos BlueHDi de 130 cv, THP de 180 cv e PureTech de 130 cv.

Por outro lado, a ambição de oferecer uma versão híbrida ou elétrica em todos os modelos DS está cada vez mais próxima de se tornar realidade. Isto porque a marca vai desenvolver uma motorização híbrida E-Tense, disponível apenas a partir da primavera de 2019, com 300 cv de potência, 450 Nm de binário, tração às 4 rodas e autonomia de 60 km em modo 100% elétrico.

Todas as novidades do Salão de Genebra aqui

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos