SEAT Ateca transformado em «laboratório» para o desenvolvimento de apps

O primeiro SUV da SEAT será transformado num “laboratório” que permitirá estudar novas soluções de mobilidade.

A SEAT acaba de anunciar um acordo com a startup BeMobile para o desenvolvimento de soluções no âmbito da mobilidade urbana. A marca espanhola cedeu um SEAT Ateca à startup baseada em Barcelona e que se especializa em inovação mobile, para que possa desenvolver novas aplicações e explorar possibilidades de negócio durante um período de seis meses.

ANTEVISÃO: Ofensiva da SEAT ao mercado dos SUV é para continuar

“A cedência do Ateca à BeMobile transformará o nosso SUV num laboratório que permitirá estudar novas soluções – como será o caso dos serviços personalizados e a pedido, plataformas de estacionamento e formas de pagamento ou produtos extensivos, entre outros – que melhorem as experiências de mobilidade do utilizador.”

Fabian Simmer, responsável pela digitalização da SEAT

Objetivo é tornar-se uma referência na área da conectividade

A SEAT está atualmente a explorar diversas possibilidades que ofereçam aos condutores experiências de mobilidade mais simples, digitais e conectadas. Como tal, este acordo procura sinergias entre o conhecimento da SEAT e a agilidade e inovação das startups, e que se possa transformar em novos serviços.

Simmer destacou ainda o papel da cidade de Barcelona como referência ao estudo da mobilidade urbana do futuro. Durante a última edição da Smart City Expo World Congress, a SEAT apresentou um protótipo do Ateca com conectividade Smart City, capaz de recolher informação do ambiente à volta do carro através de sensores de rastreio, partilhando-a com utilizadores da app Parkfinder.

Segue a Razão Automóvel no Instagram e no Twitter

Mais artigos em Notícias