16 boas razões para a fábrica da Tesla vir para Portugal

A Tesla vai escolher em que país europeu é que vai construir a próxima ‘Gigafactory’ já em 2017. Portugal é excelente candidato, por vários motivos.

Portugal é um forte candidato a receber a Gigafactory 2 – recordamos que ‘Gigafactory’ nome que o construtor norte-americano Tesla dá às suas fábricas de última geração (conhece aqui todos os detalhes).

Na corrida pela atração dos milhões da Tesla encontra-se Portugal, Espanha, França, Holanda e alguns países da Europa Oriental.

p100d

Caso venha a ser construída em Portugal, a Gigafactory da Tesla poderá ter enormes repercussões no PIB nacional. Consciente da importância deste colosso industrial, o gabinete do Ministério do Ambiente confirmou ao Jornal Económico que o secretário de Estado Adjunto e do Ambiente, José Mendes, reuniu-se com representantes da empresa norte-americana em Portugal, há uns meses, na tentativa de atrair a Tesla para o nosso país.

Também na sociedade civil, vão surgindo grupos de debate com interesse nesta matéria. Um dos mais notados é o ‘GigainPortugal’ – podes aceder à sua página no Facebook aqui – que fez questão de reunir 16 bons motivos para a Tesla instalar uma das suas fábricas em solo nacional. São eles:

  1.  Bons portos marítimos;
  2. Rede multi-modal de transporte para a Europa, Médio Oriente, África e Estados Unidos;
  3. 50% da energia produzida em Portugal é gerada através de fontes renováveis. A Gigafactory poderia armazenar e devolver à rede de distribuição o excesso energético;
  4. Somos um cluster automóvel de alta eficiência. A fábrica da Renault em Cácia foi considerada a melhor fábrica do Grupo francês em 2016, e a Bosch tem sido premiada pela sua correta gestão;
  5. A famigerada Plataforma Logística do Poceirão, é um dos potenciais locais para implementação da Gigafactory em Portugal. São vários os argumentos: exposição solar privilegiada, espaço para implementação da infraestrutura, custo dos terrenos e localizada privilegiada (20 minutos de Lisboa, 15 minutos do Porto de Setúbal, 10 minutos do futuro Aeroporto de Alcochete).
  6. Proximidade com o novo Aeroporto de Lisboa;
  7. Voos diretos para todas as partes do mundo, a partir de Lisboa;
  8. Há mais de 200 empresas em Portugal, fornecedoras de componentes para a indústria automóvel (Continental, Siemens, Bosch, Delphi, etc);
  9. Mão-de-obra especializada e motivada.
  10. Custo por trabalhador inferior à média europeia;
  11. Ambiente económico propício à inovação;
  12. Fomos dos primeiros países a montar uma rede elétrica de carregamento;
  13. Excelente exposição solar;
  14. Portugal tem as maiores reservas de Lítio da Europa;
  15. Know-how de excelência na construção de infraestruturas;
  16. Portugal e a União Europeia têm condições para propor benefícios fiscais e apoio ao investimento.

A nova fábrica da Tesla na Europa (esperamos que em Portugal…) é um dos grandes pilares do construtor para aumentar a produção anual – atualmente está limitada a 80.000 unidades/ano – e assim conseguir atingir a estabilidade financeira que tem faltado nos últimos anos.

Segue a Razão Automóvel no Instagram e no Twitter

Mais artigos em Notícias