Recharge No modo Recharge está a reduzir a sua pegada ecológica.

Obrigado por guardar energia para o que mais importa.

Uma iniciativa
x

Recharge

Estamos a guardar energia para o que mais importa.

Tesla Model S transformado numa carrinha funerária

Para um funeral mais silencioso e com emissões zero.

A Van der Lans & Busscher BV é uma das empresas funerárias mais conhecidas na Holanda, e a razão é simples: ao contrário das tradicionais funerárias, a sua frota de carros fúnebres vai desde clássicos da Cadillac, Lincoln e Mercedes-Benz, a modelos mais radicais como um Fiat 500 com chassis alongado. Para o seu mais recente modelo, a funerária pediu ajuda à RemetzCar – a única preparadora no país especializada em alongar carros de luxo para fins, digamos, especiais… – para desenvolver o seu primeiro veículo 100% elétrico, baseado num Tesla Model S.

“É uma estreia a nível mundial. Temos acompanhado o surgimento de carros completamente ecológicos e sustentáveis, e nós próprios já nos aventurámos nos veículos elétricos, mas nunca com uma autonomia de pelo menos 350 km”

Jan Busscher, diretor da Van der Lans & Busscher BV

INSÓLITOS: “Comprámos uma carrinha funerária e montámos a Ripper Tours”

Para transformar a berlina elétrica num carro fúnebre (como se pode ver na imagem de destaque), foi necessário cortar o chassis do Model S ao meio, ao qual foi acrescentado uma estrutura de 80 cm, para um total de 577 cm de comprimento – o suficiente para acomodar o caixão. De seguida, a secção que vai entre o pilar B à traseira do veículo foi completamente transformada de forma a criar um espaço de carga com as laterais em vidro, tal como uma carrinha funerária, mas de forma a manter os habituais contornos do Model S.

O carro fúnebre está em exibição até sexta-feira no Funeral Exhibition 2016 em Gorinchem, na Holanda, ao lado de muitas outras carrinhas funerárias fora do normal, e mais tarde estará disponível como opção para quem quiser um funeral mais silencioso e com emissões zero.

Fonte: Electrek

Segue a Razão Automóvel no Instagram e no Twitter

Mais artigos em Notícias