Mercedes-AMG GLC 43 4MATIC Coupé: 367 cv para o asfalto e não só

Ao já esperado incremento de potência, a Mercedes-AMG acrescentou características que reforçam a versatilidade do novo GLC 43 4MATIC Coupé.

A Mercedes-AMG apresentou o mais recente membro da sua gama: o GLC 43 4MATIC Coupé. Um modelo que entra para o portfólio da marca alemã com um natural cunho desportivo mas que lhe acrescenta algumas características práticas, fruto do novo sistema de tração integral. Com um motor V6 biturbo de 3.0 litros, o SUV de Estugarda debita 367 cv de potência e 520 Nm binário máximo, para acelerações dos 0 aos 100 km/h em apenas 4.9 segundos e uma velocidade máxima limitada eletronicamente aos 250 km/h.

O motor V6 está acoplado a uma caixa automática de nove velocidades (9G-TRONIC) com passagens mais rápidas graças a um novo software específico AMG. Através dos cinco modos de condução (Eco, Comfort, Sport, Sport Plus e Individual do sistema Dynamic Select) é possível modificar parâmetros como a resposta do motor, o funcionamento da caixa de velocidades, o comportamento da suspensão e da direção.

VEJAM TAMBÉM: Hipercarro da Mercedes-AMG chega em 2017

Mas a grande novidade do Mercedes-AMG GLC 43 4MATIC Coupé é mesmo o comportamento dinâmico em qualquer tipo de piso, graças à nova suspensão e sistema de tração integral. Baseada no sistema pneumático multi câmara Air Body Control, a suspensão oferece um comportamento mais neutro em curva e uma maior tração, enquanto que o sistema de tração integral AMG Performance 4MATIC é caracterizado por uma distribuição de binário tendencialmente para o eixo traseiro – configuração que assegura uma melhor aceleração lateral. Além dos habituais sistemas de assistência à condução e de uma capacidade de reboque de até 2460 kg, é possível aumentar a altura ao solo, mesmo com o veículo em movimento, o que comprova as capacidades “todo-o-terreno” (leia-se: subir passeios ou ir até à herdade) do SUV alemão.

Já em termos estéticos, como seria de esperar, o Mercedes-AMG GLC 43 4MATIC Coupé assume um carácter desportivo, com destaque para a grelha em padrão diamante com pinos cromados, novas entradas de ar no para-choques dianteiro e ponteiras de escape cromadas. No interior, a principal novidade é o volante desportivo em pele e a melhoria dos apoios laterais para o condutor e o passageiro dianteiro. O GLC 4Matic Coupé deverá chegar ao mercado europeu ainda este ano.

Mercedes-AMG GLC 43 Coupé; 2016

Segue a Razão Automóvel no Instagram e no Twitter