Skoda Kodiaq: os primeiros detalhes do novo SUV checo

Segundo a marca, o novo Skoda Kodiaq tem todos os condimentos para ser um sucesso: design expressivo, elevada funcionalidade e muitas características “Simply Clever”.

Através do Skoda Kodiaq, a marca checa do grupo Volkswagen estreia-se no segmento mais badalado e falado dos últimos tempos, com um rápido crescimento em todos os segmentos: o segmento dos SUV.

Segundo Bernhard Maier, CEO da Skoda, o novo Skoda Kodiaq:

Combina um sentido ativo de vitalidade com características e qualidades clássicas da marca, e ainda um elevado grau de funcionalidade e espaço generoso (…). Além disso, com o seu emotivo design, o Skoda Kodiaq apresenta uma forte presença na estrada.

Com 1,91 m de largura, 1,68 m de altura e 4,70 m de comprimento, o Skoda Kodiaq oferece espaço para sete ocupantes e uma elevada capacidade da bagageira, tal como a marca nos tem habituado. Na versão de cinco ou sete lugares, segundo a marca, o Kodiaq possui espaço para tudo, sendo que a capacidade da bagageira chega a 2.065 litros – a variante de cinco lugares possui a maior volumetria da sua classe.

RELACIONADO: É oficial: Skoda Kodiaq é o nome do próximo SUV checo

A nível de infoentretenimento, o Skoda Kodiaq demonstra que a marca está a pensar “no amanhã”. Os sistemas de informação e entretenimento são provenientes da segunda geração do Modular Infotainment Matrix do Grupo Volkswagen e oferecem hotspot Wi-Fi e, como um extra opcional, um módulo LTE que estabelece ligação com a Internet. Desta forma os passageiros podem através do Kodiak navegar na “net” e enviar e-mails através de telefones móveis e tablets. A conexão com os smartphones através da plataforma SmartLink é de série e, como opcional, está disponível carregamento wireless de dispositivos.

Quanto a motorizações, haverá uma gama de cinco motores: dois TDI (presumivelmente de 150 e 190cv) e três blocos a gasolina TSI (motor a gasolina mais potente será o 2.0 TSI de 180cv). Diferentes tecnologias estão disponíveis também ao nível da transmissão: caixa manual de seis velocidades ou de dupla embraiagem DSG, e tração dianteira ou integral (apenas nas motorizações mais potentes).

A NÃO PERDER: Skoda e Volkswagen, um casamento com 25 anos

Segundo a marca, o novo SUV checo conseguirá enfrentar os mais diferentes caminhos de forma equilibrada e confortável. Equipado com o Driving Mode Select e o novo Dynamic Chassis Control (DCC), o funcionamento da direção, acelerador, transmissão DSG e da suspensão podem ser configurados ao gosto de cada um. O Skoda Kodiaq irá ser apresentado ainda este ano, sendo que o lançamento no mercado nacional só deverá acontecer em 2017.

Skoda Kodiaq

Segue a Razão Automóvel no Instagram e no Twitter

Mais artigos em Notícias