Walter Röhrl, parabéns campeão!

Walter Röhrl, o «gigante dos ralis» bicampeão do mundo (1980 e 1982), celebra hoje 69 anos de idade. E está aí para as curvas…

Metódico, disciplinado e terrivelmente rápido. Walter Röhrl foi dos primeiros pilotos de ralis a adoptar um método de trabalho e de treino para além da condução «pura e dura». Numa altura em que era relativamente comum ver-se os piloto a fumar um cigarro antes de começar uma etapa, Röhrl já tinha atenção aos mais pequenos detalhes da sua dieta – por outras palavras, um verdadeiro atleta numa época em que os pilotos se afirmavam acima de tudo pelo seu talento natural, dando pouca importância às metodologias de treino fora dos ralis.

Hoje, a cumprir 69 anos de idade, talvez tenha sido esta disciplina que lhe tenha valido a excelente forma física que ainda apresenta – ainda hoje, esteja onde estiver, Walter Röhrl não abdica de dar todos os dias um longo passeio de bicicleta.

Por falar em bicicleta, estou certo que conhecem todos os detalhes da carreira deste «gigante dos ralis» com 1.88m de altura – caso contrário, vejam aqui – portanto permitam-me não repetir aquilo que já sabem e contar-vos um episódio que não é muito conhecido mas que diz muito sobre a personalidade de Walter Röhrl. Este episódio foi-me contado por Domingos Piedade, o «senhor AMG» – outro nome que dispensa apresentações.

RELACIONADO: Conhece o baixo-assinado que ditou o fim do Grupo B há 30 anos

Domingos Piedade convidou há uns anos atrás (não muitos…) o piloto alemão para vir a Portugal, participar num evento no Autódromo do Estoril. Röhrl só fez duas exigências: ter uma bicicleta à disposição e ir almoçar a um determinado restaurante em Cascais (o seu preferido). Satisfeitas estas duas exigência, Walter Röhrl veio a Portugal.

Agora é que as coisas ficam interessantes… Röhrl chegou ao Circuito do Estoril, entrou no carro, deu 3 voltas ao traçado luso e na segunda volta já tinha batido o tempo de TODOS(!) os pilotos que lá estavam há vários dias (alguns deles profissionais). Saiu do carro, falou humildemente com os presentes e foi dar uma volta de bicicleta pela Serra de Sintra. Simples não é? Para os predestinados sim…

A NÃO PERDER: A super volta de Walter Röhrl ao Nürburgring

Ainda hoje, aos 69 anos de idade Walter Röhrl continua rápido – e não é rápido para um homem da sua idade, é mesmo rápido. Tão ou mais rápido que muitos pilotos atuais no auge das suas capacidades. É por isso que a Porsche continua a confiar nas mãos deste alemão para afinar os seus modelos antes da produção. Chega de palavras. Parabéns campeão!

Reparem no fantástico foot work Röhrl…

Segue a Razão Automóvel no Instagram e no Twitter

Mais artigos em Clássicos